Economia

Vendas do Carrefour aceleram no 3º tri

Reuters
Reuters
Vendas do Carrefour aceleram no 3º tri
.

28 de outubro de 2020 - 08:03 - Atualizado em 28 de outubro de 2020 - 08:05

Por Dominique Vidalon

PARIS (Reuters) – O Carrefour, maior varejista da Europa, apresentou seu crescimento de vendas subjacente mais forte em pelo menos duas décadas no terceiro trimestre, refletindo um melhor desempenho em seus principais mercados de França, Espanha e Brasil.

A empresa francesa também disse nesta quarta-feira que está no caminho certo com uma revisão estratégica destinada a aumentar os lucros e as vendas, e que está cumprindo todas as metas do plano.

“As vendas do Carrefour no terceiro trimestre refletem o excelente momento em curso no grupo, confirmando o sucesso do plano de transformação do Carrefour 2022”, disse o presidente Alexandre Bompard, em um comunicado.

O Carrefour está no meio de um plano de cinco anos lançado em 2018 para cortar custos e aumentar o investimento em ecommerce para melhorar os lucros e as vendas, enquanto busca – como seus pares – enfrentar a concorrência de rivais online como a Amazon.com.

O grupo também está se expandindo para lojas de conveniência para reduzir sua dependência de hipermercados, focando mais em produtos orgânicos e marcas próprias.

As vendas do grupo no terceiro trimestre chegaram a 19,69 bilhões de euros.

O crescimento atingiu 8,4% em bases comparáveis – excluindo combustível e efeitos de calendário – contra 6,3% no segundo trimestre. Esse foi o melhor desempenho trimestral do Carrefour em pelo menos 20 anos.

Isso refletiu, em particular, um desempenho mais forte na França, onde Bompard fez da revitalização das vendas em hipermercados uma prioridade.

No geral, o Carrefour continuou a se beneficiar da forte demanda por alimentos durante a pandemia e dos cortes de preços na França.

Durante os bloqueios impostos pelo governo, os clientes preferiram supermercados perto de casa e lojas de conveniência, bem como ecommerce.

Mas desde que a França encerrou seu bloqueio em meados de maio, as vendas de hipermercados mostraram uma melhora acentuada e isso acelerou no terceiro trimestre.

As vendas nos hipermercados franceses do Carrefour aumentaram 2,5% no trimestre, após uma queda de 3,6% no segundo trimestre.

No Brasil, o segundo maior mercado do Carrefour depois da França, houve alta de 29,9% nas vendas brutas, excluindo combustível, no terceiro trimestre ante mesmo período de 2019, para 18,76 bilhões de reais.

As vendas mesmas lojas da rede no Brasil, que também controla a bandeira de atacarejo Atacadão, cresceram 26,6%, segundo prévia operacional do período.

tagreuters.com2020binary_LYNXMPEG9R0VH-BASEIMAGE

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.