Economia

Tupy revisa acordo com Stellantis envolvendo aquisição de operações da Teksid

Reuters
Reuters

1 de julho de 2021 - 08:58 - Atualizado em 1 de julho de 2021 - 08:58

(Reuters) – A Tupy comunicou nesta quinta-feira a revisão no contrato envolvendo a aquisição do negócio global de componentes estruturais em ferro da Teksid, subsidiária da Stellantis, com o acordo agora prevendo apenas a aquisição das operações brasileira e portuguesa.

O preço de aquisição (enterprise value) ajustado pela participação da Teksid nas subsidiárias Teksid Iron do Brasil e Fundição Portuguesa é de 67,5 milhões de euros.

“Com base na revisão e comentários das autoridades antitruste dos Estados Unidos, Tupy e Stellantis acordaram em revisar a transação”, afirmou a Tupy em fato relevante à Comissão de Valores Mobiliários.

“Neste novo perímetro, a companhia optou por adquirir os ativos com maior alinhamento estratégico, e decidiu não dar seguimento à aquisição das plantas do México, China, Polônia e das estruturas administrativas localizadas na Itália e Estados Unidos”, acrescentou.

A Tupy informou que manterá a aliança estratégica de fornecimento global com a Stellantis, observados os compromissos já assumidos com a autoridade antitruste brasileira.

Anunciado em 2019, o negócio englobando todas as operações previa pagamento ao grupo automotiva de 210 milhões de euros. Na época, a Teksid era uma unidade do grupo Fiat Chrysler, que se fundiu com a PSA, dando origem à Stellantis.

Para mais detalhes, clique aqui:

(Por Paula Arend Laier)

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.