Guilherme
Guilherme Becker / Editor

12 de abril de 2019 - 00:00

Atualizado em 12 de abril de 2019 - 00:00

Balanço Geral Curitiba

Rombo da previdência do Paraná é o quinto maior do país

Rombo da previdência do Paraná é o quinto maior do país
Apenas quatro estados brasileiros não apresentam desequilíbrio (FOTO: DREAMSTIME)

Os dados apresentados pela Federação das Indústrias do Rio de janeiro (Firjan), apontam o Paraná com o quinto maior déficit relacionado a previdência. O rombo do estado é de R$ 4,8 bilhões, este é o valor que o governo precisaria desembolsar para cobrir a diferença entre receitas e despesas com aposentadorias.

Para cobrir o déficit, cada paranaense paga R$ 461 por ano. No estado, em média, os trabalhadores na ativa recebem aproximadamente R$ 500 a menos que os servidores aposentados.

Segundo os dados, há 0,68 aposentados para cada funcionário da ativa.

Região norte apresenta menos desequilíbrio

Pelo país o problema se repete. Apenas quatro estados não apresentam diferença entre as receitas e despesas da previdência, Amapá, Roraima, Rondônia e Tocantins. Ambos ficam localizados na região norte do Brasil e aparecem entre os cinco estados menos populosos.

LEIA TAMBÉM: Paraná lidera produção industrial brasileira com crescimento de 10%