Economia

Presidente do Banco Mundial espera que G20 estenda congelamento de dívidas até fim de 2021

Reuters
Reuters
Presidente do Banco Mundial espera que G20 estenda congelamento de dívidas até fim de 2021
Presidente do Banco Mundial, David Malpass, durante evento em Pequim

5 de abril de 2021 - 13:13 - Atualizado em 5 de abril de 2021 - 13:15

WASHINGTON (Reuters) – O presidente do Banco Mundial, David Malpass, disse nesta segunda-feira que espera que a China, os Estados Unidos e outras grandes economias do G20 estendam o congelamento dos pagamentos do serviço de dívidas bilaterais até o final de 2021, quando se reunirem nesta semana.

A Iniciativa de Suspensão do Serviço da Dívida (DSSI, na sigla em inglês) do G20 já ajudou países a adiar cerca de 5 bilhões de dólares em pagamentos até o final de 2020, com outros 7,3 bilhões de dólares em pagamentos esperados para serem adiados até junho, disse David aos repórteres.

Estender o congelamento do pagamento de dívidas até o final do ano economizaria mais dinheiro que os países poderiam usar para combater a pandemia de Covid-19 e apoiar suas economias, mas o “real alívio da dívida” seria necessário no longo prazo para permitir que os países mais pobres levassem o peso da dívida para um nível mais moderado.

(Por Andrea Shalal)

tagreuters.com2021binary_LYNXMPEH340RE-BASEIMAGE

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.