Economia

Preocupações com crescimento e queda de ações chinesas de tecnologia pressionam Wall Street

Reuters
Reuters
Preocupações com crescimento e queda de ações chinesas de tecnologia pressionam Wall Street
Operador em pregão na Bolsa de Valores de Nova York

8 de julho de 2021 - 11:59 - Atualizado em 8 de julho de 2021 - 12:00

Por Ambar Warrick e Devik Jain

(Reuters) – Os principais índices de Wall Street caíam acentuadamente nesta quinta-feira, com a disseminação da variante Delta da Covid-19 lançando dúvidas sobre a recuperação econômica, enquanto uma queda nas ações de tecnologia chinesas parece ter se espalhado pelos mercados.

Investidores de todo o mundo estão cautelosos com o risco. As ações caíam e os preços dos títulos ampliavam o rali com os temores em relação à repressão de Pequim às empresas chinesas listadas no exterior e as dúvidas sobre uma recuperação econômica mundial sustentada. [MKTS/GLOB]

A gigante chinesa Didi Global Inc, que esteve no centro das vendas depois que seu aplicativo foi retirado do ar por Pequim, caía 6%. Outras ações chinesas listadas nos EUA caíam, acompanhando as perdas acentuadas na China e Hong Kong, com a gigante do e-commerce Alibaba Group Holding Ltd perdendo 3,9% e o mecanismo de buscas da Internet, Baidu Inc, recuando 3,8%.

O índice de volatilidade CBOE, conhecido como “índice do medo” em Wall Street, saltava 3,1 pontos, para seu patamar mais alto em mais de duas semanas. Todos os 11 principais setores do índice S&P 500 estavam no vermelho, com papéis cíclicos como os de energia e industrial em queda junto dos setores de crescimento, incluindo consumo discricionário e tecnologia.

Às 11:57 (horário de Brasília), o índice Dow Jones caía 1,34%, a 34.216 pontos, enquanto o S&P 500 perdia 1,475633%, a 4.294 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq recuava 1,49%, a 14.446 pontos.

(Por Ambar Warrick e Devik Jain em Bengaluru)

tagreuters.com2021binary_LYNXNPEH670UL-BASEIMAGE

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.