Economia

PIB da zona do euro no 4º cai menos do que estimado anteriormente

Reuters
Reuters

16 de fevereiro de 2021 - 08:56 - Atualizado em 16 de fevereiro de 2021 - 08:56

BRUXELAS (Reuters) – O Produto Interno Bruto da zona do euro caiu menos do que o inicialmente estimado no último trimestre de 2020 e o emprego avançou em relação aos três meses anteriores apesar dos lockdowns por conta da pandemia, mostraram novas estimativas nesta terça-feira.

A agência de estatísticas da União Europeia, Eurostat, disse que o PIB dos 19 países que usam o euro contraiu 0,6% no quarto trimestre em relação aos três meses anteriores, registrando queda de 5,0% na base anual. A Eurostat havia estimado anteriormente contração trimestral de 0,7% e de 5,1% em termos anuais.

A Eurostat também informou que o emprego cresceu 0,3% nos últimos três meses de 2020 sobre o período anterior, após alta trimestral de 1,0% no terceiro trimestre, mas que ainda está 2,0% abaixo do mesmo período do ano anterior.

(Reportagem de Jan Strupczewski)

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.