Economia

Omega Geração fecha acordo de opção de compra de parque eólico na Bahia

Reuters
Reuters
Omega Geração fecha acordo de opção de compra de parque eólico na Bahia
Turbina de um parque eólico no Nordeste do Brasil

6 de abril de 2021 - 09:48 - Atualizado em 6 de abril de 2021 - 09:50

SÃO PAULO (Reuters) – A empresa de energia renovável Omega Geração informou que seu conselho de administração aprovou um contrato preliminar por meio do qual a companhia terá opção de compra do complexo de energia eólica Assuruá 4, na Bahia.

O empreendimento, com capacidade instalada de cerca de 215 megawatts, tem expectativa de entrada em operação comercial no início de 2023 e fica em área adjacente aos complexos Assuruá 1, 2 e 3, operados pela Omega, disse a elétrica em comunicado ao mercado na noite de segunda-feira.

O contrato prevê que a efetiva transferência dos ativos fica sujeita a condições precedentes, incluindo a entrada em operação comercial do complexo, a obtenção de financiamento de longo prazo para o empreendimento e a efetiva celebração de contratos para a venda da produção no mercado livre de eletricidade em condições previamente estabelecidas.

A Omega disse ainda que um comitê da companhia para operações com partes relacionadas “tem conduzido há meses” tratativas sobre as condições para transferência dos ativos de Assuruá 4 junto à Omega Gestora de Recursos e a Tarpon Gestora de Recursos.

(Por Luciano Costa; edição Paula Arend Laier)

tagreuters.com2021binary_LYNXMPEH350SK-BASEIMAGE

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.