Economia

Negociações presenciais do Brexit recomeçam por acordo comercial

Reuters
Reuters

28 de novembro de 2020 - 13:13 - Atualizado em 28 de novembro de 2020 - 13:13

LONDRES (Reuters) – As negociações presenciais entre o Reino Unido e a União Europeia sobre um acordo comercial foram reiniciadas no sábado, em mais uma tentativa de chegar a um acerto a apenas cinco semanas do fim do relacionamento atual.

O negociador da UE, Michel Barnier, chegou para conversações em Londres na manhã de sábado. Ele disse na noite de sexta-feira que estava “muito feliz” por estar de volta à cidade e que seguiria trabalhando com “paciência e determinação”.

Barnier e o negociador-chefe britânico, David Frost, estão trabalhando para garantir um acordo antes que o período de transição do Reino Unido com a UE termine em 31 de dezembro. Ambos os lados pedem que o outro se comprometa nas três principais questões de contenção – pesca, ajuda estatal e como resolver quaisquer disputas futuras.

O Reino Unido deixou o bloco em 31 de janeiro deste ano e uma saída definitiva “sem acordo” iria causar confusão nas fronteiras, assustar os mercados financeiros e perturbar as cadeias de abastecimento que se estendem por toda a Europa e além – no momento em que o mundo sofre com o vasto custo econômico do surto de Covid-19.

Sobre o importante obstáculo da pesca, alguns relatos da mídia na sexta-feira apontaram que o Reino Unido rejeitou uma proposta da UE sobre o valor da cota de pesca que as frotas europeias capturam em águas britânicas que devem ser devolvidas ao Reino Unido.

(Reportagem de Sarah Young)

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.