Economia

Nasdaq fecha em máxima recorde com início de temporada de compras de fim de ano

Reuters
Reuters
Nasdaq fecha em máxima recorde com início de temporada de compras de fim de ano
(Blank Headline Received)

27 de novembro de 2020 - 15:38 - Atualizado em 27 de novembro de 2020 - 15:40

Por Stephen Culp

NOVA YORK (Reuters) – Os mercados em Wall Street avançaram e o Nasdaq fechou em máxima recorde nesta sexta-feira, em uma semana encurtada por um feriado, com varejistas dando início à temporada de compras de fim de ano em meio a hospitalizações recordes por Covid-19.

O Nasdaq teve desempenho superior, já que investidores preferiram ações relacionadas a tecnologia e de líderes de mercado, que tiveram um bom desempenho durante a pandemia, enquanto papéis cíclicos –economicamente sensíveis– pesaram sobre o mercado geral.

Todos os três índices acumularam altas na semana, na qual o S&P 500 atingiu uma nova máxima de fechamento e o Dow Jones terminou acima de 30 mil pontos pela primeira vez.

“É uma sessão mais curta e o volume é leve, então a única conclusão é que o rali não está vacilando por enquanto”, disse Peter Cardillo, economista-chefe de mercado da Spartan Capital Securities, em Nova York.

“É um bom presságio para o próximo mês”, acrescentou Cardillo. “Veremos um rali de Natal? Provavelmente. Será tão robusto quanto novembro? É um grande ponto de interrogação.”

Os varejistas abriram suas portas para os compradores da Black Friday, com práticas de distanciamento social e outras medidas postas em prática para mitigar os riscos de infecção, e ofereceram descontos elevados.

“A Black Friday perdeu um pouco do brilho –o tráfego diminuiu devido à pandemia–, mas a boa notícia é que as vendas de comércio eletrônico atingiram um novo recorde”, disse Cardillo. “Isso é encorajador.”

No mais recente progresso no caminho ao desenvolvimento de uma vacina contra a Covid-19, o Reino Unido deu sinal verde à farmacêutica AstraZeneca depois que os especialistas levantaram questões sobre os dados do teste da vacina.

Como as hospitalizações por coronavírus nos Estados Unidos estabeleceram um recorde sombrio de mais de 89 mil, a corrida por uma solução médica para a pandemia resultou em vacinas promissoras da Pfizer Inc, Moderna Inc e outras, alimentando o otimismo de um luz no fim do túnel.

O índice Dow Jones subiu 0,13%, a 29.910 pontos, enquanto o S&P 500 ganhou 0,239693%, a 3.638 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq avançou 0,92%, a 12.206 pontos.

Dos 11 principais setores do S&P 500, o de saúde teve os maiores ganhos percentuais, enquanto as ações de energia tiveram a maior perda percentual.

tagreuters.com2020binary_LYNXMPEGAQ16N-BASEIMAGE

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.