Economia

Mercado eleva projeção para inflação em 2021 pela 12ª vez, a 4,81%, mostra Focus

Reuters
Reuters
Mercado eleva projeção para inflação em 2021 pela 12ª vez, a 4,81%, mostra Focus
Placa mostra preços dos combustíveis em posto de gasolina do Rio de Janeiro

29 de março de 2021 - 09:03 - Atualizado em 29 de março de 2021 - 09:05

Por Camila Moreira

SÃO PAULO (Reuters) – O mercado deu sequência ao aumento das expectativas de inflação no Brasil neste ano ao mesmo tempo em que voltou a piorar o cenário para a economia, de acordo com a pesquisa Focus divulgada pelo Banco Central nesta segunda-feira.

O levantamento com uma centena de economistas mostrou que a alta do IPCA passou a ser calculada agora em 4,81% para 2021, acréscimo de 0,10 ponto percentual em relação à estimativa anterior, na 12ª semana seguida de aumento nas contas.

O centro da meta oficial para a inflação em 2021 é de 3,75%, com margem de tolerância de 1,5 ponto para mais ou menos.

Para 2022, o prognóstico para a inflação permaneceu em 3,51%, contra meta de 3,50%, também com margem de 1,5 ponto.

Para o Produto Interno Bruto (PIB), a estimativa de crescimento para este ano caiu pela quarta vez, a 3,18%, de 3,22% na semana anterior. O cenário para o próximo ano também piorou, em 0,05 ponto, e os economistas agora esperam expansão de 2,34%.

A pesquisa semanal mostrou manutenção das expectativas para a taxa básica de juros Selic em 5,0% ao final deste ano e 6,0% ao final de 2022.

tagreuters.com2021binary_LYNXMPEH2S0TV-BASEIMAGE