Economia

Latam Airlines busca prorrogação de prazo para plano de reestruturação

Reuters
Reuters
Latam Airlines busca prorrogação de prazo para plano de reestruturação
Aeronave da Latam no aeroporto internacional de Santiago, Chile

9 de junho de 2021 - 16:36 - Atualizado em 9 de junho de 2021 - 16:40

Por Fabian Cambero

SANTIAGO (Reuters) – A Latam Airlines, maior companhia aérea da América Latina, disse nesta quarta-feira que busca estender até setembro o prazo para apresentar seu plano de reestruturação como parte do processo de recuperação judicial iniciado em 2020.

A Latam pediu recuperação judicial nos Estados Unidos em maio do ano passado, afetada pelas medidas de isolamento social contra o coronavírus. Na época, foi a maior companhia aérea do mundo a realizar tal ação por causa da Covid-19.

Um juiz já havia ordenado que a empresa entregasse seu plano de reestruturação até o final de junho, e a companhia disse que espera encerrar o processo em 2021.

“O pedido de extensão é uma alternativa comum contemplada no processo e não modifica a intenção do grupo Latam de sair da recuperação judicial até o final deste ano”, disse a empresa em um comunicado.

A Latam também disse no Chile que solicitou um segundo desembolso de 500 milhões de dólares sob o Acordo de Crédito DIP (Devedor em Posse). A companhia aérea afirmou que os fundos adicionais são necessários dada “a extensão das restrições de saúde e mobilidade impostas pelas autoridades dos diferentes países em que a companhia opera, bem como a análise da projeção de liquidez da companhia”.

A empresa também recebeu um empréstimo DIP de 1,15 bilhão de dólares em outubro do ano passado.

No início desta quarta-feira, a Latam disse que espera aumentar suas operações em junho para 36% de seus níveis pré-pandemia, impulsionadas pelo ritmo de vacinação em alguns países da região.

“Todos os mercados mostram projeções superiores às do mês anterior”, disse a empresa em comunicado.

A Latam, com sede em Santiago, opera no Brasil, Chile, Colômbia, Equador e Peru, além de destinos na América Latina, Europa, Estados Unidos e Caribe.

tagreuters.com2021binary_LYNXNPEH5818I-BASEIMAGE

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.