Economia

Índices da China recuam com realização de lucros

Reuters
Reuters
Índices da China recuam com realização de lucros
Painel eletrônico com índices de Xangai e Shenzhen em distrito financeiro de Xangai

29 de dezembro de 2020 - 07:35 - Atualizado em 29 de dezembro de 2020 - 07:40

PEQUIM/XANGAI (Reuters) – Os índices acionários da China fecharam em baixa nesta terça-feira, pressionados pelos papéis de materiais e energia, com os investidores realizando lucro após recente rali alimentado pela promessa de Pequim de mais suporte.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, caiu 0,42%, enquanto o índice de Xangai teve queda de 0,54%.

Vários subíndices registraram perdas, com o de materiais caindo 1,75% e o de energia e indústria recuando 1,73% e 1,35% respectivamente.

O rali recente ofereceu aos investidores uma oportunidade de realizarem lucros antes do fim do ano, mas o suporte contínuo prometido na mais recente conferência de trabalho econômico e sinais de recuperação econômica vão sustentar o desempenho no longo prazo, disse Zhang Qi, analista do Haitong Securities.

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei avançou 2,66%, a 27.568 pontos.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG subiu 0,96%, a 26.568 pontos.

. Em XANGAI, o índice SSEC perdeu 0,54%, a 3.379 pontos.

. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, retrocedeu 0,42%, a 5.042 pontos.

. Em SEUL, o índice KOSPI teve valorização de 0,42%, a 2.820 pontos.

. Em TAIWAN, o índice TAIEX registrou baixa de 0,08%, a 14.472 pontos.

. Em CINGAPURA, o índice STRAITS TIMES valorizou-se 0,28%, a 2.848 pontos.

. Em SYDNEY o índice S&P/ASX 200 avançou 0,53%, a 6.700 pontos.

(Reportagem de Cheng Leng em Pequim, Luoyan Liu e Andrew Galbraith em Xangai)

tagreuters.com2020binary_LYNXMPEGBS0EV-BASEIMAGE

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.