Economia

Guedes sugere imposto negativo com cobertura de dividendos de estatais, diz representante dos prefeitos

Reuters
Reuters
Guedes sugere imposto negativo com cobertura de dividendos de estatais, diz representante dos prefeitos
(Blank Headline Received)

26 de agosto de 2020 - 19:16 - Atualizado em 26 de agosto de 2020 - 19:20

BRASÍLIA (Reuters) – O ministro da Economia, Paulo Guedes, mencionou nesta quarta-feira proposta para a implementação de um “imposto de renda negativo”, com os custos sendo cobertos por dividendos de empresas públicas, afirmou o presidente da Frente Nacional de Prefeitos, Jonas Donizette, após reunião com o titular da pasta econômica.

Em entrevista virtual à imprensa, Donizette disse que a ideia exposta por Guedes envolveria a criação de um fundo, denominado “fundo Brasil”, com recursos dos dividendos das estatais. O fundo financiaria o pagamento de uma complementação de renda à parcela da população com menor rendimento.

Em julho, Guedes afirmou que a equipe econômica estava estudando propor a implantação de um “imposto negativo”, mecanismo pelo qual o governo federal depositaria o equivalente a 20% do rendimento mensal do trabalhador informal em uma conta que se assemelharia à poupança, para ser sacada na aposentadoria.

Segundo Donizette, Guedes não comentou durante o encontro a rejeição do presidente Jair Bolsonaro ao projeto de criação do Renda Brasil, que previa um benefício maior que o valor atual do Bolsa Família por meio de cortes de programas como o abono salarial.

(Por Gabriel Ponte)

tagreuters.com2020binary_LYNXMPEG7P1RZ-BASEIMAGE

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.