Economia

Futuros do minério voltam cair na China diante de investigação sobre preços

Reuters
Reuters
Futuros do minério voltam cair na China diante de investigação sobre preços
Terminal de minério de ferro no porto de Dalian, China

22 de junho de 2021 - 09:23 - Atualizado em 22 de junho de 2021 - 09:25

PEQUIM (Reuters) – Os contratos futuros do minério de ferro negociados na China despencaram pela segunda sessão consecutiva nesta terça-feira, em movimento que derrubou os ganhos acumulados em 2021 para 31% –contra mais de 50% anteriormente–, na esteira de planos de Pequim de ampliar investigações sobre preços de commodities.

O contrato mais negociado do minério de ferro na bolsa de commodities de Dalian, para entrega em setembro, chegou a cair 5,2%, para 1.110 iuanes (171,75 dólares) por tonelada, uma mínima de duas semanas. A referência fechou em queda de 2,7%, a 1.139 iuanes por tonelada.

“Após as políticas macro recentes, as especulações começaram a perder força e os preços do minério de ferro flutuaram”, disseram analistas da Huatai Futures em nota.

Na segunda-feira, a agência estatal de planejamento e o órgão regulador do mercado na China observaram o mercado à vista no Beijing Iron Ore Trading Center e prometeram monitorar os preços de perto e investigar especulações maliciosas.

Os preços “spot” do minério de ferro com 62% de teor de ferro para entrega à China, compilados pela consultoria SteelHome, recuaram 7 dólares na segunda-feira, para 210,50 dólares a tonelada. Nesta terça-feira, subiram 3 dólares

(Reportagem de Min Zhang e Shivani Singh)

tagreuters.com2021binary_LYNXNPEH5L0N5-BASEIMAGE

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.