Economia

Deere eleva previsão de lucro em 2021 com maior demanda por máquinas agrícolas

Reuters
Reuters

19 de fevereiro de 2021 - 15:49 - Atualizado em 19 de fevereiro de 2021 - 15:49

Por Rajesh Kumar Singh

CHICAGO (Reuters) – A Deere & Co elevou nesta sexta-feira sua previsão para os ganhos no ano fiscal de 2021, após o lucro mais do que dobrar no primeiro trimestre da temporada devido à melhora na demanda por máquinas agrícolas e de construção, o que fez com que as ações da companhia subissem.

A empresa sediada em Moline, Illinois, afirmou que os preços mais altos das commodities agrícolas e o aumento das exportações, em conjunto com a redução nos estoques de equipamentos, deram impulso à demanda por máquinas agrícolas.

O programa da Deere para pedidos antecipados de pulverizadores, plantadeiras e colheitadeiras apresentou crescimento de dois dígitos. Os pedidos de tratores de grande porte agora se estendem até o quarto trimestre.

Para acompanhar o ritmo, a maior produtora de equipamentos agrícolas do mundo aumentou a produção e acrescentou turnos em algumas de suas fábricas nos Estados Unidos e na América do Sul.

“Os fundamentos do agronegócio melhoraram significativamente durante o primeiro trimestre”, disse o gerente de relações com investidores da companhia, Brent Norwood, em conferência com analistas.

Superando o desempenho do mercado em geral, as ações da Deere chegaram a subir 12% durante a manhã. Por volta das 15h10 (horário de Brasília), o papel era negociado em alta de 10,3%, a 331,05 dólares.

A empresa passou a projetar o lucro líquido de 2021 entre 4,6 bilhões e 5,0 bilhões de dólares, acima da estimativa anterior, que variava de 3,6 bilhões a 4 bilhões de dólares.

A Deere reportou um lucro líquido de 1,2 bilhão de dólares no trimestre, ou 3,87 dólares por ação –o maior lucro da história da companhia.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.