Economia

Decreto oficializa ampliação das despesas orçamentárias em R$2,8 bi

Reuters
Reuters
Decreto oficializa ampliação das despesas orçamentárias em R$2,8 bi
Moedas de real

30 de julho de 2021 - 20:20 - Atualizado em 30 de julho de 2021 - 20:25

BRASÍLIA (Reuters) -O governo editou decreto oficializando autorização para uma ampliação de 2,8 bilhões de reais das despesas orçamentárias deste ano, informou a Secretaria-Geral da Presidência nesta sexta-feira.

Não foi detalhado ainda como será feita a distribuição dos recursos pelos ministérios. Segundo o Ministério da Economia, a liberação ocorrerá ao longo das próximas semanas por meio da abertura de créditos que será feita por portarias e projetos de lei.

Na semana passada, o Ministério da Economia já havia anunciado a margem para o aumento das despesas discricionárias, a partir de uma reestimativa dos gastos no ano com despesas obrigatórias como pessoal e Previdência.

A revisão dos gastos e das receitas para o ano também permitiu o desbloqueio de 4,5 bilhões de reais que ainda estavam contingenciados do Orçamento. Nesse caso, o principal beneficiado foi o Ministério da Educação, que tem o maior orçamento e tinha o maior volume de dotações bloqueadas (1,558 bilhão de reais).

(Por Isabel VersianiEdição de Pedro Fonseca)

tagreuters.com2021binary_LYNXMPEH6T1LR-BASEIMAGE