Economia

Creg aceita sugestões de comitê para medidas de garantia de oferta de energia

Reuters
Reuters
Creg aceita sugestões de comitê para medidas de garantia de oferta de energia
Reservatório de hidrelétrica

5 de agosto de 2021 - 18:55 - Atualizado em 5 de agosto de 2021 - 19:00

SÃO PAULO (Reuters) – A Câmara de Regras Excepcionais para Gestão Hidroenergética (Creg) aprovou nesta quinta-feira uma série de sugestões realizadas pelo Comitê de Monitoramento do Setor Elétrico (CMSE) para garantia da oferta de energia em meio à crise hídrica enfrentada pelo Brasil, com destaque para medidas de ampliação da geração termelétrica.

As sugestões haviam sido deliberadas pelo CMSE na véspera, de acordo com o Ministério de Minas e Energia. O Brasil passa pela pior seca em 91 anos nas regiões de hidrelétricas, o que tem afetado a geração pela principal fonte de energia do país.

Entre as medidas aprovadas está a disponibilização de um terceiro navio regaseificador no terminal de Pecém, no Ceará, para fornecimento de gás natural a usinas termelétricas, além de ações não especificadas para ampliar o fornecimento de energia elétrica por meio de usinas termelétricas a óleo diesel e gás natural.

Também foi autorizada a realização de estudos sobre a flexibilização temporária da Regra de Operação do rio São Francisco e sobre as condições de atendimento eletroenergético na transição do período seco para o período úmido em 2021 e para atendimento em 2022.

Além disso, a Creg ainda aprovou cotas mínimas a serem adotadas para os reservatórios das usinas hidrelétricas de Ilha Solteira e Três Irmãos, de 324,20 m para o final do mês de agosto e 323,00 m para o mês de setembro.

“Continuam em andamento ações com vistas ao aumento das disponibilidades energéticas e a proposição de mecanismos de incentivo de resposta da demanda”, afirmou o Ministério de Minas e Energia em nota sobre a reunião desta quinta-feira.

“Também está em avaliação alternativa para estímulo, de forma voluntária, à redução do consumo de energia elétrica por consumidores regulados, em linha com o programa para grandes consumidores.”

Estabelecida para definir diretrizes sobre condições excepcionais e temporárias durante a crise hídrica, a Creg é composta pelos ministérios de Minas e Energia, Economia, Infraestrutura, Agricultura, Meio Ambiente e Desenvolvimento Regional.

(Por Gabriel Araujo)

tagreuters.com2021binary_LYNXMPEH741GS-BASEIMAGE