Economia

Confiança do consumidor dos EUA cai no início de julho com temores de inflação

Reuters
Reuters
Confiança do consumidor dos EUA cai no início de julho com temores de inflação
Homem faz compras na 5ª Avenida de Nova York

16 de julho de 2021 - 11:49 - Atualizado em 16 de julho de 2021 - 11:50

(Reuters) – A confiança do consumidor norte-americano caiu de forma abrupta e inesperada ao menor patamar em cinco meses no início de julho, uma vez que os temores em relação à inflação afetaram a confiança dos consumidores na recuperação econômica dos Estados Unidos, mostrou uma pesquisa divulgada nesta sexta-feira.

A Universidade de Michigan informou nesta sexta-feira que seu índice preliminar de confiança do consumidor caiu para 80,8 na primeira metade deste mês – o menor patamar desde fevereiro – ante leitura final de 85,5 em junho. Economistas consultados pela Reuters esperavam que o índice subisse para 86,5.

“As reclamações dos consumidores sobre o aumento dos preços de casas, veículos e bens domésticos duráveis ​​atingiram um recorde histórico”, disse o diretor da pesquisa, Richard Curtin, em comunicado.

A medida da pesquisa sobre as condições econômicas atuais também caiu para 84,5, o menor patamar desde agosto de 2020, ante 88,6 em junho. O indicador de expectativa do consumidor caiu para 78,4, o menor valor desde fevereiro, de 83,5.

A expectativa para a inflação em um ano atingiu o patamar mais alto desde agosto de 2008, em 4,8%, ante 4,2%, enquanto a previsão para a inflação em cinco anos subiu de 2,8% em junho para 2,9%.

(Por Evan Sully)

tagreuters.com2021binary_LYNXMPEH6F0RW-BASEIMAGE