Economia

Confiança do consumidor alemão melhora menos que o esperado para junho, aponta GfK

Reuters
Reuters
Confiança do consumidor alemão melhora menos que o esperado para junho, aponta GfK
Boulevard de compras de Kurfurstendamm, em Berlim

27 de maio de 2021 - 10:02 - Atualizado em 27 de maio de 2021 - 10:05

BERLIM (Reuters) – A confiança do consumidor alemão melhorou menos do que o esperado para junho, já que os consumidores permanecem cautelosos apesar da queda nas infecções por Covid-19 e de uma melhora nas perspectivas de crescimento para a maior economia da Europa, mostrou uma pesquisa nesta quinta-feira.

O instituto GfK disse que seu índice de confiança do consumidor, baseado em uma pesquisa com cerca de 2.000 alemães, subiu para -7,0, ante -8,6 no mês anterior em dado revisado.

A previsão da Reuters era de um aumento maior, para -5,2.

Os consumidores estão mais otimistas em relação à sua situação de renda pessoal, bem como ao desenvolvimento econômico geral, mas sua propensão para comprar piorou após três ganhos mensais consecutivos, mostrou a pesquisa.

O especialista em consumo da GfK, Rolf Buerkl, disse que a queda nos casos de coronavírus e o avanço nas vacinações estão abrindo as portas para mais medidas de flexibilização nas próximas semanas.

“No momento, isso está alimentando principalmente o otimismo econômico e criando uma sensação de novos começos”, disse Buerkl, acrescentando que as opções para gastar dinheiro ainda são limitadas em muitas partes do país, apesar dos primeiros passos para acabar com as restrições.

(Por Michael Nienaber)

tagreuters.com2021binary_LYNXNPEH4Q0UW-BASEIMAGE

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.