Economia

Cemig afirma que fundo do Banco Clássico aumentou participação na companhia

Reuters
Reuters
Cemig afirma que fundo do Banco Clássico aumentou participação na companhia
Logo da Cemig em painel na bolsa de valores B3 em São Paulo.

25 de setembro de 2020 - 18:25 - Atualizado em 25 de setembro de 2020 - 18:25

SÃO PAULO (Reuters) – A elétrica estatal mineira Cemig informou que o Banco Clássico aumentou a participação na companhia com a aquisição recente de ações por meio de seu fundo exclusivo FIA Dinâmica Energia.

Com o negócio, efetivado em 23 de setembro e que envolveu cerca de 60 milhões de reais, o fundo de investimento em ações passou a deter 8,79% do capital total da Cemig, ou 16,07% dos papéis ordinários e 5,14% do preferenciais, disse a Cemig em comunicado nesta sexta-feira.

“Essa operação visa diversificar os investimentos em energia elétrica do FIA Dinâmica Energia ao mesmo tempo em que procura direcionar parte dos investimentos do banco para o setor de infraestrutura do país”, disse a instituição financeira sobre a transação, de acordo com o comunicado da Cemig.

Antes, o FIA Dinâmica Energia possuía 11,35% das ações ordinárias da Cemig e 5,14% das preferenciais, em um total de 7,22% da empresa.

A Cemig é controlada pelo governo de Minas Gerais, que detém 51% das ações ordinárias e participação total na companhia de cerca de 17,7%, segundo informações do site da empresa.

(Por Luciano Costa)

tagreuters.com2020binary_LYNXNPEG8O21B-BASEIMAGE