Economia

Cade reprova operação entre Videolar e Innova

Reuters
Reuters
Cade reprova operação entre Videolar e Innova
Sede do Cade, em Brasília (DF)

28 de abril de 2021 - 15:16 - Atualizado em 28 de abril de 2021 - 15:20

SÃO PAULO (Reuters) – O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) reprovou nesta quarta-feira a aquisição da petroquímica Innova pela Videolar citando descumprimento de acordo com a autarquia. O negócio havia sido aprovado pelo Cade em 2014.

“As petroquímicas não mantiveram o compromisso de manter os volumes de produção de poliestireno nos patamares estabelecidos no acordo e também não comprovaram benefícios aos consumidores decorrentes da operação”, afirmou a autarquia em comunicado à imprensa.

Segundo o Cade, o poliestireno é uma resina plástica utilizada em diversas aplicações, como produtos descartáveis, embalagens, linha branca de eletrodomésticos e eletroeletrônicos.

Em julho de 2019, o plenário do Cade decidiu que o acordo para produção mínima não foi cumprido e determinou a revisão do negócio. O Cade também determinou aplicação de multa no valor de 9 milhões de reais às empresas pelo descumprimento do acordo.

(Por Alberto Alerigi Jr.)

tagreuters.com2021binary_LYNXMPEH3R18V-BASEIMAGE

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.