Economia

Ações europeias recuam com perdas de tecnologia e pressão de rendimentos dos títulos

Reuters
Reuters
Ações europeias recuam com perdas de tecnologia e pressão de rendimentos dos títulos
Bolsa de Frankfurt

23 de fevereiro de 2021 - 14:24 - Atualizado em 23 de fevereiro de 2021 - 14:25

Por Shashank Nayar e Ambar Warrick

(Reuters) – As ações europeias fecharam em queda nesta terça-feira, com os altos rendimentos dos títulos soberanos pressionando setores de peso, como a tecnologia, enquanto uma série de balanços corporativos mistos lançou dúvidas sobre o ritmo de uma recuperação pós-Covid-19.

O índice FTSEurofirst 300 caiu 0,46%, a 1.584 pontos, enquanto o índice pan-europeu STOXX 600 perdeu 0,42%, a 411 pontos.

As ações de tecnologia lideraram as perdas pela segunda sessão consecutiva, já que recuaram ainda mais de suas máximas em 20 anos.

Um salto recente nos rendimentos dos títulos soberanos também pesou sobre as ações, uma vez que retornos mais elevados em renda fixa ofereceram aos investidores uma alternativa mais segura a ações relativamente mais arriscadas.

As ações de tecnologia, em particular, também têm sido vistas como caras pelos investidores após seu desempenho superior durante a pandemia Covid-19.

Enquanto isso, o HSBC Holdings perdeu 0,8% depois que seus lucros anuais caíram drasticamente devido à pandemia, enquanto revelou uma estratégia revisada focada principalmente na gestão de fortunas na Ásia.

Em LONDRES, o índice Financial Times avançou 0,21%, a 6.625,94 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX caiu 0,61%, a 13.864,81 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 ganhou 0,22%, a 5.779,84 pontos.]

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve desvalorização de 0,30%, a 22.939,38 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou alta de 1,72%, a 8.252,10 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 desvalorizou-se 0,94%, a 4.729,51 pontos.

tagreuters.com2021binary_LYNXMPEH1M16N-BASEIMAGE