Economia

Ações da China fecham em alta com apoio de bancos e empresas de energia

Reuters
Reuters
Ações da China fecham em alta com apoio de bancos e empresas de energia
Homem usando máscara de proteção passa em frente ao prédio da Bolsa de Xangai no distrito financeiro de Pudong em Xangai, China

22 de junho de 2021 - 07:52 - Atualizado em 22 de junho de 2021 - 07:56

XANGAI (Reuters) – As ações da China fecharam em alta nesta terça-feira, uma vez que os bancos subiram após medidas de reforma de Pequim, enquanto o setor de energia foi elevado pela alta dos preços do petróleo.

No entanto, a fraqueza nas empresas relacionadas a moedas digitais, devido a restrições regulatórias, limitaram os ganhos na região.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, avançou 0,6%, enquanto o índice de Xangai teve alta de 0,8%.

Liderando os ganhos, o índice bancário avançou 1,6%, com investidores comemorando as medidas de reforma mais recentes do governo para o setor, enquanto o índice de energia saltou 2,3% com a força do petróleo.

Mudanças na forma como os bancos chineses calculam as taxas de depósito ajudarão a aliviar a pressão sobre os custos de financiamento dos bancos, embora o impacto sobre credores e depositantes seja limitado, disse um órgão do setor que supervisiona os juros na segunda-feira.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG caiu 0,63%, a 28.309 pontos.

. Em XANGAI, o índice SSEC ganhou 0,80%, a 3.557 pontos.

. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, avançou 0,62%, a 5.122 pontos.

. Em SEUL, o índice KOSPI teve valorização de 0,71%, a 3.263 pontos.

. Em TAIWAN, o índice TAIEX registrou alta de 0,07%, a 17.075 pontos.

. Em CINGAPURA, o índice STRAITS TIMES desvalorizou-se 0,28%, a 3.109 pontos.

. Em SYDNEY o índice S&P/ASX 200 avançou 1,48%, a 7.342 pontos.

tagreuters.com2021binary_LYNXNPEH5L0HX-BASEIMAGE

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.