Economia

Ações da China caem com perdas de empresas de saúde e tecnologia

Reuters
Reuters
Ações da China caem com perdas de empresas de saúde e tecnologia
Telão na Bolsa de Valores de Xangai

6 de julho de 2021 - 07:47 - Atualizado em 6 de julho de 2021 - 07:50

XANGAI (Reuters) – As ações da China fecharam em baixa nesta terça-feira, com as empresas de saúde e tecnologia liderando as perdas, já que os investidores locais permaneceram cautelosos em meio às altas valorizações de certos setores.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, recuou 0,05%, enquanto o índice de Xangai perdeu 0,1%.

O índice de start-ups de Shenzen caiu 1,8%, enquanto o STAR50, de Xangai, com foco em tecnologia, perdeu 2,7%.

Liderando as quedas entre os setores, o subíndice de saúde chegou a despencar até 6%, antes de terminar em baixa de 3,8%.

“As taxas de crescimento de muitas empresas de saúde não conseguiram suportar seus altos preços atuais”, disse Yan Kaiwen, analista da China Fortune Securities.

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei avançou 0,16%, a 28.643 pontos.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG caiu 0,25%, a 28.072 pontos.

. Em XANGAI, o índice SSEC perdeu 0,11%, a 3.530 pontos.

. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, retrocedeu 0,05%, a 5.083 pontos.

. Em SEUL, o índice KOSPI teve valorização de 0,36%, a 3.305 pontos.

. Em TAIWAN, o índice TAIEX registrou baixa de 0,03%, a 17.913 pontos.

. Em CINGAPURA, o índice STRAITS TIMES valorizou-se 1,58%, a 3.190 pontos.

. Em SYDNEY o índice S&P/ASX 200 recuou 0,73%, a 7.261 pontos.

((Tradução Redação São Paulo, 55 11 56447723))

REUTERS LB CMO

tagreuters.com2021binary_LYNXNPEH650HR-BASEIMAGE