Coronavírus

Vídeoconsulta em Curitiba: pessoas surdas com sintomas de covid-19 são atendidas em Libras

Um intérprete de Libra faz a ponte entre o médico e paciente, traduzindo o que cada um fala

Caroline
Caroline Berticelli / Editora com informações da Prefeitura de Curitiba
Vídeoconsulta em Curitiba: pessoas surdas com sintomas de covid-19 são atendidas em Libras
Foto: Renato Próspero/SMCS

3 de abril de 2020 - 00:00 - Atualizado em 1 de julho de 2020 - 14:49

A capital paranaense, que é a primeira cidade do Brasil a oferecer consultas virtuais para pessoas com sintomas do novo coronavírus, agora, estende o serviço para deficientes auditivos por meio do atendimento em Linguagem Brasileira de Sinais (Libras). 

De acordo com a administração municipal, o trabalho conjunto da Central de Libras e Central de Videoconsulta possibilitou a novidade. Isso porque um intérprete de Libra faz a ponte entre o médico e paciente, traduzindo o que cada um fala. 

“O vírus (novo coronavírus) não escolhe pessoas, todos estão sujeitos, e ter esse apoio das interpretes de Libras aqui é muito bom para dar atendimento a quem realmente precisa e tem dificuldade de comunicação”, disse a médica Angela Leite. 

Central de Libras 

Curitiba tem aproximadamente 17 mil pessoas surdas segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Para dar apoio a essa população a Central de Libras ajuda nos mais diversos tipos de serviços. Em média, são 300 atendimentos por mês. 

“Desde consultas médicas, entrevistas de emprego, audiências judiciais, e outras necessidades que dependem de um intérprete e que podem ser solicitadas pelo e-mail ou whatsapp”, disse Denise.

Pessoas surdas com sintomas de covid-19 podem agendar atendimento médico de videoconsulta pelo WhatsApp 41. 992558206 ou pelo e-mail centraldelibras@curitiba.pr.gov.br

O número direto para o teleatendimento e videoconsulta é 41. 3350-9000