Notícias

Curitiba tem 10 mil motoristas de aplicativo a mais do que a prefeitura calculava

Até sexta-feira (31), 23,5 mil motoristas de aplicativo solicitaram o cadastro em Curitiba, 10 mil pessoas a mais do que o esperado pela prefeitura

Gabriel
Gabriel Azevedo com informações do RIC Mais Notícias
Curitiba tem 10 mil motoristas de aplicativo a mais do que a prefeitura calculava
A Urbs vai começar a fiscalização no dia 26 de fevereiro, quarta-feira após o Carnaval. (Foto: Divulgação/PMC)

3 de fevereiro de 2020 - 00:00 - Atualizado em 3 de fevereiro de 2020 - 00:00

A Urbanização de Curitiba S/A (Urbs), empresa responsável por serviços que direta ou indiretamente interferem na vida da capital e de parte da região metropolitana, como o transporte coletivo, por exemplo, se surpreendeu com o número de motoristas de aplicativo que fizeram o cadastro on-line, que será obrigatório para exercer a atividade remunerada de transporte de passageiros.

Até sexta-feira (31), 23,5 mil motoristas de aplicativo solicitaram o cadastro em Curitiba, 10 mil pessoas a mais do que o esperado pela prefeitura. “Nós temos um número superior ao que esperávamos”, diz Ogeny Pedro Maria Neto, presidente da Urbs. Até o momento, 4,5 mil motoristas estão aprovados; o restante dos solicitantes tem documentação pendente.

Ogeny Pedro Maria Neto foi entrevistado no RIC Mais Notícias, nesta segunda-feira (3). 

Ainda na sexta-feira, a Urbs prorrogou o prazo, que se encerraria nesta sexta-feira (31), para começar a exigir que os motoristas de aplicativos façam o cadastramento on-line antes de exercerem a atividade remunerada de transporte de passageiros. A Urbs vai começar a fiscalização no dia 26 de fevereiro, quarta-feira após o Carnaval. Com a ampliação, a fiscalização de motoristas não cadastrados, que começaria a ser feita a partir de 1.º de fevereiro, também foi prorrogada, para o dia 2 de março.

Para fazer o cadastramento, é preciso acessar a plataforma criada pela Urbs (clique aqui para acessar) e preencher os dados solicitados e fornecer a documentação exigida (clique aqui e veja).

Assista