Coronavírus

Curitiba fará somente repescagem de vacina a professores e comorbidades na segunda (12)

Curitiba aplicou quase todas as doses disponíveis. As últimas 5 mil que restaram não são suficientes para avançar em novos grupos. Por isto, fará apenas repescagem de alguns públicos.

Giselle
Giselle Ulbrich com informações da Prefeitura de Curitiba
Curitiba fará somente repescagem de vacina a professores e comorbidades na segunda (12)
(Foto: Rodrigo Fonseca/CMC)

11 de julho de 2021 - 13:24 - Atualizado em 11 de julho de 2021 - 13:24

Curitiba aplicou, no sábado (10), 29.588 doses de vacinas contra a covid-19. Nos 27 pontos de atendimento, das 8h às 18h, foram imunizadas pessoas com 40 anos completos e mais.

Com as doses remanescentes (cerca de 5 mil), insuficientes para ampliar a vacinação à mais uma faixa etária, nesta segunda-feira (12) haverá apenas repescagem para professores e trabalhadores da educação básica e superior, com 18 anos ou mais e também pessoas com comorbidades com 18 anos ou mais.

Pessoas com comorbidades e professores e trabalhadores do ensino superior podem procurar um dos 17 pontos de vacinação da cidade. Já os profissionais do ensino básico têm locais específicos de vacinação (lista abaixo). Em todos os locais, o atendimento será das 8h às 17h.

Além das declarações todos deverão fazer o cadastro prévio no Saúde Já e apresentar documentos pessoais com identificação e comprovante de residência com endereço de Curitiba.

Professores e trabalhadores da educação

Professores e trabalhadores da educação básica precisam se dirigir especificamente ao ponto de vacinação da região onde está a escola em que trabalham, apresentar uma declaração fornecida pela instituição e um documento que comprove vinculação ativa com a unidade.

Já os trabalhadores e professores do ensino superior podem procurar qualquer um dos 17 pontos de vacinação da cidade. O profissional deverá atuar em uma das 63 instituições de ensino superior do município credenciadas junto ao Ministério da Educação (MEC).

Comorbidades

Pacientes da rede privada devem apresentar a declaração médica disponibilizada no portal do Conselho Regional de Medicina do Paraná (CRM-PR) assinada pelo médico que os acompanha, com a indicação da comorbidade listada pelo Ministério da Saúde para essa fase.

Pacientes do SUS Curitibano, acompanhados pelas Unidades de Saúde, receberam o aviso pelo aplicativo Saúde Já de que são elegíveis para vacina.

Locais de vacinação

Das 8h às 17h
* Atendimento aos professores e trabalhadores do ensino básico

  • 1 – Pavilhão da Cura
    Parque Barigui (entrada somente pela BR-277)
  • 2 – US Ouvidor Pardinho *
    Rua 24 de Maio, 807 – Praça Ouvidor Pardinho
  • 3 – Centro de Referência, esportes e atividade física
    Rua  Augusto de Mari, 2.150 – Guaíra
  • 4 – US Salvador Allende
    Rua Celeste Tortato Gabardo, 1.712 – Sítio Cercado
  • 5 – US Parigot de Souza *
    Rua João Eloy de Souza, 111 – Sítio Cercado
  • 6 – US Vila Diana
    Rua René Descartes, 537 – Abranches
  • 7 – Centro de Esporte e Lazer Avelino Vieira *
    Rua Guilherme Ihlenfeldt, 233 – Bacacheri
  • 8 – US Jardim Paranaense *
    Rua Pedro Nabosne, 57 – Alto Boqueirão
  • 9 – US Visitação
    Rua Dr. Bley Zornig, 3136 – Boqueirão
  • 10 – US Camargo
    Rua Pedro Violani, 364 – Cajuru
  • 11 – US Uberaba *
    Rua Cap. Leônidas Marques, 1392 – Uberaba
  • 12 – Clube da Gente CIC *
    Rua Hilda Cadilhe de Oliveira
  • 13 – US Vila Feliz
    Rua Pedro Gusso, 866 – Novo Mundo
  • 14  – US Aurora *
    Rua Theofhilo Mansur, 500 – Novo Mundo
  • 15 – US Pinheiros *
    Rua Joanna Emma Dalpozzo Zardo, 370 – Santa Felicidade
  • 16 – Rua da Cidadania do Tatuquara *
    Rua Olivardo Konoroski Bueno, s/n
  • 17 – Rua da Cidadania do Fazendinha *
    Rua Carlos Klemtz, 1.700

Vacinômetro

Até o momento, 884.126 curitibanos receberam a primeira dose da vacina contra o novo coronavírus. Desse total, foram vacinados: 375.030 pessoas da população em geral (convocadas por idade); 211.936 idosos com 65 anos ou mais; 114.850 pessoas com comorbidades; 9.818 gestantes e puérperas; 7.984 pessoas com deficiência; 82 indígenas; 1.118 pessoas em situação de rua; 6.971 moradores, funcionários e cuidadores de instituições de longa permanência; 96.390 profissionais dos serviços de saúde da cidade (incluindo as equipes de vacinação); 16.341 trabalhadores das forças de segurança; 40.510 educadores (entre professores e trabalhadores da Educação Básica e Ensino Superior) e 1.233 trabalhadores da limpeza pública.

Imunização completa

Em Curitiba, 253.954 pessoas receberam a segunda dose da vacina até o sábado (10) e outras 36.365 pessoas receberam a vacina em dose única, completando esquema vacinal anticovid.

A cidade já aplicou 1.174,445 unidades da vacina anticovid – primeira e segunda doses ou dose única. Ao todo, 63,3% da população de Curitiba acima de 18 anos já receberam ao menos uma dose.

Doses recebidas

Até o momento, Curitiba recebeu do Ministério da Saúde, repassadas pelo Governo do Paraná, 1.363.499 doses de vacinas, sendo 900.745 para primeira dose, 425.840 para segunda dose e 37.270 doses de aplicação única. Nesse montante já estão contabilizados os 5% de reserva técnica.

A reserva técnica é uma medida de segurança, faz parte dos protocolos da logística e é necessária para evitar problemas no fluxo de imunização que possam ser causados por imprevistos eventuais, como por exemplo, quebra acidental de frascos.

O município tem capacidade para vacinar até 30 mil pessoas por dia e o avanço do cronograma de imunização ocorre à medida que as doses são com o envio de novas doses enviadas pelo Ministério da Saúde ao governo estadual, responsável por distribuir os lotes do imunizante aos municípios.

https://ricmais.com.br/noticias/coronavirus/