Esportes

Curinga, Marcos Guilherme já atuou em cinco posições diferentes pelo Santos

Gazeta
Gazeta Esportiva

22 de setembro de 2021 - 07:00 - Atualizado em 22 de setembro de 2021 - 11:15

Marcos Guilherme foi uma das contratações do Santos para 2021. O jogador de 26, que chegou no período do técnico Fernando Diniz, se notabiliza pela sua versatilidade, já aproveitada por Fábio Carille.

Desde a sua chegada ao Peixe, no final de maio, Marcos Guilherme já atuou em cinco posições diferentes. Ponta de origem, o atleta começou seu período no Santos jogando aberto pelos lados do campo, em uma posição mais habitual. O jogador variava entre atuar pela direita e pela esquerda, sempre com muita movimentação exigida por Diniz.

Depois, com a saída de Kaio Jorge, negociado com a Juventus, Marcos Guilherme passou a atuar como falso 9. O Santos atuou sem uma referência fixa, com Marcos e Gabriel Pirani avançados, circulando pelo setor ofensivo e oferendo opção de passe.

Até que Fernando Diniz decide inovar. Nas partidas contra Athletico-PR (ida da Copa do Brasil) e Cuiabá, Marcos Guilherme chegou a atuar como segundo volante, mais recuado. Na primeira ocasião sua dupla foi Jean Mota, enquanto na segunda foi Camacho.

Por fim, Marcos Guilherme voltou a ser improvisado, dessa vez com Carille. Embora o treinador enxergue o atleta apenas como ponta, as duas últimas partidas mostraram que não necessariamente isso será uma regra.

Tanto contra Athletico-PR (jogo de volta da Copa do Brasil), como contra o Ceará, Marcos Guilherme terminou o jogo atuando como lateral-direito. Na primeira partida em uma linha de quatro, e na segunda em uma linha de cinco, como ala.

Marcos Guilherme começou bem sua passagem no Santos, mas depois caiu de produção. Desde que chegou ao Peixe, o jogador possui 30 jogos, com cinco gols e uma assistência. Seu próximo compromisso com o Alvinegro Praiano será no domingo, contra o Juventude, em Caxias do Sul.

O contrato de Marcos Guilherme com o Santos é por empréstimo e vai até dezembro de 2021.