Campeonatos

Cruzeiro visita o Vila Nova e busca recuperação imediata para deixar a zona de rebaixamento

Gazeta
Gazeta Esportiva

23 de julho de 2021 - 20:00 - Atualizado em 23 de julho de 2021 - 20:15

Há sete jogos sem vencer e na zona de rebaixamento, o Cruzeiro busca se recuperar na Série B. A equipe mineira viaja para Goiânia e visita o Vila Nova neste sábado, às 16h30, no estádio OBA. No meio da tabela, o Tigre busca sua segunda vitória dentro de casa na competição.

Na corda bamba, e ainda assim bancado por Pestana, Mozart tenta recuperar o Cruzeiro de forma imediata na Série B. A última vitória aconteceu diante do Vasco, há um mês atrás.

A principal dor de cabeça para o técnico Mozart está na ausência de Matheus Barbosa. O atleta foi expulso na última rodada, na derrota para o Remo, e desfalca a Raposa.

Ao mesmo tempo, Raúl Cáceres e Giovanni retornam a equipe. O lateral se recuperou de um entorse no tornozelo, enquanto o meio-campista retorna da suspensão pelo acúmulo de cartões amarelos.

Do outro lado, o Vila também vive má fase no campeonato e não vence há três jogos. Ainda assim, a equipe goiana está a três pontos da degola e busca se afastar ainda mais.

Além de tudo, o Tigre ainda não venceu em seu estádio – é verdade ter batido o CSA como mandante, mas atuando no Serra Dourada.

Para quebrar o jejum, o time de Higo Magalhães também vai ter que deixar de lado o fato de ser o pior ataque da Série B – com sete gols em 13 partidas.

Para a partida contra o Cruzeiro, o Vila fica na expectativa de contar com o retorno de Dudu e Xandão – ambos testaram positivo para covid-19. Ainda assim, a equipe deve ser semelhante a que empatou com o Brusque na última rodada.

FICHA TÉCNICA:

VILA NOVA X CRUZEIRO

Local: estádio OBA, em Goiânia (GO)

Data: 24 de julho de 2021, sábado

Hora: 16h30 (de Brasília)

Árbitro: Alexandre Vargas Tavares de Jesus (RJ)

Assistentes: Thiago Rosa de Oliveira e Lilian da Silva Fernandes Bruno (RJ)

VILA NOVA: Georgemy; Danilo Belão, Rafael Donato, Renato Silveira e Willian Formiga; Éder, Renan Mota, Arthur Rezende e João Pedro; Clayton e Alesson.

Técnico: Higo Magalhães

CRUZEIRO: Fábio; Norberto, Eduardo Brock, Rhodolfo e Jean Victor; Rômulo, Lucas Ventura e Marcinho; Wellington Nem, Bruno José e Rafael Sóbis.

Técnico: Mozart