Notícias

Corpo carbonizado é encontrado em porta-malas de carro em Paiçandu

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais

8 de novembro de 2018 - 00:00 - Atualizado em 8 de novembro de 2018 - 00:00

Corpo carbonizado é localizado em Paiçandu. (Foto: Claudiomar César/RICTV)

A polícia acredita que o corpo carbonizado em Paiçandu, seja de um funcionário da Prefeitura de Mandaguaçu que estava desaparecido

Um corpo carbonizado foi encontrado no porta-malas de um veículo incendiado na área rural de Paiçandu, no norte do Paraná, na tarde desta quinta-feira (8). A polícia acredita que pode se tratar de um funcionário da Prefeitura de Mandaguaçu, cidade próxima, que estava desaparecido.

Corpo carbonizado em Paiçandu

Apesar do veículo ser do mesmo modelo do funcionário desaparecido desde esta quarta-feira (7), devido ao estado de destruição, apenas uma perícia e um exame de DNA poderão confirmar a identidade da vítima. Fulgêncio Sanches, de 39 anos, trabalhava há 14 cerca de 14 anos na Delegacia de Mandaguaçu e colegas acreditam que se trate dele. “Vai ser feito um exame de DNA, mas, provavelmente, é ele mesmo. Uma pessoa boa, uma cumpridora dos deveres, porém, uma pessoa linha dura e tinha alguns desafetos. Acreditamos que seja em razão desses desafetos que aconteceu isso aí”, declarou um policial.  

O corpo estava no porta-malas do carro. (Foto: Claudiomar César/RICTV)

De acordo com a polícia, o homem pode ter sido esquartejado. “Desapareceu uma pessoa na cidade de Mandaguaçu que estaria com esse veículo Prisma de cor branca. Até então, foram encontrados os ossos no interior do porta-mala do veículo. Foi encontrado também um facão, faca e um martelo. Os ossos estão partidos, não sabemos dizer, mas a perícia vai constatar se houve esquartejamento ou se foi o fogo que acabou causando”, explicou um dos investigadores.  

Assista à reportagem completa sobre o corpo em Paiçandu:

Claudiomar César, repórter da RICTV Maringá, esteve no local e conta todos os detalhes.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.