Coronavírus

Maringá confirma vigésima morte por coronavírus

Além da vigésima morte, boletim da Secretaria de Saúde registra 67 novos casos da doença

Brenda
Brenda Caramaschi com informações da Prefeitura de Maringá
Maringá confirma vigésima morte por coronavírus
Arte: Divulgação/PMM

7 de julho de 2020 - 21:51 - Atualizado em 7 de julho de 2020 - 21:51

A Secretaria de Saúde de Maringá confirmou hoje a vigésima morte por coronavírus: um homem de 60 anos que começou a apresentar sintomas da doença no dia 09 de maio e foi transferido dez dias depois para um hospital de São Paulo, depois de apresentar complicações no quadro de saúde. Ele morreu no dia 02 de junho, em São Paulo, mas notificação oficial só foi feita nesta terça-feira, 7, porque o município aguardava a declaração da Secretaria de Saúde paulista confirmando o caso fatal. 

Além de mais uma morte por coronavírus, o boletim desta terça também traz a confirmação de 67 novos casos da doença em Maringá. O total de casos confirmados está em 1979 e 84 pessoas estão internadas entre as que testaram positivo para a covid-19 e casos ainda considerados suspeitos. A matriz de risco na cidade é considerada alta. A taxa de ocupação hospitalar geral nos leitos de enfermaria de Maringá, incluindo SUS e unidades privadas de saúde, é 51,53%. Já nos leitos de UTI adulta é 69,70% e na UTI neonatal/pediátrica 50,85% – os leitos são ocupados tanto por moradores de Maringá quanto de cidades da região. 

O novo decreto, com medidas para tentar frear a transmissão do vírus na cidade, entra em vigor nesta quarta-feira, 8.