Coronavírus

Pato Branco decreta fechamento do comércio com aumento expressivo de casos da covid-19

Entre a segunda-feira (15) e esta sexta-feira (19), foram cerca de 300 novos casos

Daniela
Daniela Borsuk com Prefeitura de Pato Branco
Pato Branco decreta fechamento do comércio com aumento expressivo de casos da covid-19
(Foto: Divulgação/ Prefeitura de Pato Branco)

20 de fevereiro de 2021 - 14:21 - Atualizado em 20 de fevereiro de 2021 - 14:21

Pato Branco decretou o fechamento do comércio e outros estabelecimentos a partir deste sábado (20) devido ao aumento no número de casos da covid-19 na cidade. O anúncio foi feito pelo prefeito, Robson Cantu, na noite desta sexta-feira (19).

De hoje até às 17h de segunda-feira (22), fica proibido o funcionamento do comércio geral, academias, clubes e associações recreativas, eventos, igrejas, instituições de ensino, transporte público coletivo, parques e praças. Bares e restaurantes podem manter somente delivery.

As indústrias poderão funcionar com 50% da capacidade. Farmácias, panificadoras, supermercados e mercearias poderão funcionar com ampliação do horário de atendimento e regulação da entrada e do tempo de permanência de pessoas, sendo uma pessoa por família, não podendo exceder 50% da capacidade e os cuidados com a higiene de fornecedores, colaboradores, produtos, equipamentos e consumidores. Fica vedado o consumo de alimentos e bebidas no local.

As novas medidas são em decorrência do aumento expressivo de pessoas positivadas pela doença no município entre a segunda-feira (15) e esta sexta, chegando a cerca de 300 novos casos. Além disso, desde a publicação do Decreto Municipal nº 8.854, de 12 de fevereiro, ocorreram 10 óbitos no município, correspondendo a 16,66% do total de óbitos desde o início da pandemia, além da indisponibilidade de leitos no município e na região.

“Tomamos algumas medidas na semana passada, mesmo assim nesta última semana houve um grande número de novos casos da doença no município, além de um alto número de óbitos. Precisamos frear o contágio, por isso optamos pelo fechamento do comércio e demais estabelecimentos. Precisamos salvar a vida dos pato-branquenses”.

Disse o prefeito.

O não cumprimento das medidas decretadas poderá caracterizar em infração à legislação municipal e está sujeito penalidades. 

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.