Coronavírus

Hospitais de Maringá estão sem vagas devido ao aumento de casos de covid-19

O Hospital e Maternidade São Marcos e o Hospital de Maringá informaram, nesta sexta-feira (27), que não possuem leitos disponíveis para novos internamentos; os pronto atendimentos também foram afetados pela demanda de pacientes com quadro de síndrome respiratória

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais
Hospitais de Maringá estão sem vagas devido ao aumento de casos de covid-19
Foto: Reprodução/Site Hospital e Maternidade São Marcos

27 de novembro de 2020 - 14:29 - Atualizado em 27 de novembro de 2020 - 16:33

O Hospital e Maternidade São Marcos de Maringá, no noroeste do Paraná, anunciou nesta sexta-feira (27) que não tem condições de receber mais pacientes tanto em seu pronto atendimento como para internação em leitos de enfermaria ou Unidade de Terapia Intensiva (UTI). 

Segundo a instituição de saúde, a impossibilidade ocorre devido ao aumentos do número de casos de covid-19 no município e, consequentemente, a superlotação de sua estrutura que atingiu o limite da capacidade máxima de atendimento.

Veja o comunicado do hospital:

ATENÇÃO Comunicado válido para o dia 27/11/2020. (Sujeito a alterações)

Publicado por Hospital e Maternidade São Marcos em Sexta-feira, 27 de novembro de 2020

Hospital Maringá

Ainda na tarde desta quarta, o Hospital Maringá também informou que seu pronto atendimento está operando no limite da capacidade. O que deve resultar em um tempo de espera maior para ser atendido.

Além disso, conforme o comunicado, os leitos destinados para pacientes com covid-19 ou suspeita da doença estão lotados e, nesse momento, não é possível realizar novas internações. Veja:

Comunicado Importante! Fique atento ao fluxo do Hospital Maringá.

Publicado por Hospital Maringá em Sexta-feira, 27 de novembro de 2020

Covid-19 em Maringá

Na quinta-feira (26), a  Secretaria de Saúde de Maringá registrou 209 novos casos de covid-19 e 4 novos óbitos em decorrência da doença até às 15h. 

De acordo com o boletim divulgado, a ocupação dos leitos exclusivos para covid-19 do Sistema Único de Saúde (SUS) está em 50,57% para enfermaria e 62,86% nas UTI’s.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.