Coronavírus

Concurso público reúne 106 mil pessoas na capital e Saúde alerta para cuidados sanitários

O candidato que estiver com qualquer sintoma pode ligar para a Central de Atendimento no telefone (41) 3350-9000

Daniela
Daniela Borsuk com Prefeitura de Curitiba
Concurso público reúne 106 mil pessoas na capital e Saúde alerta para cuidados sanitários
(Foto: Eduardo Matysiak)

18 de fevereiro de 2021 - 11:12 - Atualizado em 18 de fevereiro de 2021 - 11:12

As provas do concurso público da Polícia Civil do Paraná, realizado no domingo (21) em Curitiba, vai reunir cerca de 106 mil pessoas na capital e em cidades da região metropolitana. Dessas, 55% vêm de outros estados e 45% são do Paraná.

Esse grande contingente de pessoas vai movimentar a rede hoteleira, restaurantes e os pontos turísticos de Curitiba. A Secretaria Municipal da Saúde alerta para a necessidade de ser mantida, em todos esses locais, a obediência às regras sanitárias de combate à covid-19.

Hotéis e resorts devem funcionar com até 50% da sua capacidade. O uso de máscaras é obrigatório em Curitiba. Os estabelecimentos devem controlar a lotação observando a capacidade máxima de uma pessoa a cada 9 metros quadrados. Também cabe a eles organizar as filas respeitando a distância de 1,5 metro entre as pessoas.

Denúncias relativas ao não cumprimento das regras sanitárias em estabelecimentos comerciais podem ser feitas pela Central 156. Já situações de aglomerações em parques e praças precisam ser relatadas à Guarda Municipal, pelo telefone 153. 

Sintomas

Outro cuidado essencial é com o aparecimento de sintomas de doenças respiratórias. O candidato que estiver com qualquer sintoma – como tosse, febre, dor de garganta ou dor de cabeça – pode ligar para a Central de Atendimento no telefone (41) 3350-9000. O atendimento é das 8h às 20h, todos os dias.

A recomendação vale para todos, mas é mais importante ainda que seja seguida por candidatos vindos da região amazônica, que tem maior circulação da nova variante do coronavírus. Indícios apontam para a maior transmissibilidade dessa variante e o isolamento imediato é essencial.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.