Coronavírus

Aplicativo vai ajudar a rastrear contatos infectados com coronavírus

Aplicativo só vai rastrear quem quiser se declarar infectado pela covid-19

Renata
Renata Nicolli Nasrala / Editora com informações da Agência Brasil
Aplicativo vai ajudar a rastrear contatos infectados com coronavírus
Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil

31 de julho de 2020 - 13:36 - Atualizado em 31 de julho de 2020 - 13:36

Um aplicativo vai ajudar a rastrear indivíduos infectados pelo coronavírus. De acordo com o Ministério da Saúde, a novidade será atualizada no aplicativo Coronavírus SUS nesta sexta-feira (31).

Ainda conforme o ministério, o aplicativo apenas vai rastrear quem quiser se declarar positivo para a covid-19.

Aplicativo coronavírus: tecnologia já é usada em outros países

Chamada de API Exposure Notification, a tecnologia já é usada em países como Alemanha, Itália e Uruguai, e só será ativada caso o usuário permita a função “notificação de exposição” nas configurações.

De acordo com uma nota divulgada pelo Ministério da Saúde, pessoas que estiverem geolocalizadas em um perímetro próximo de outras pessoas que informaram estar infectadas pelo novo coronavírus receberão um alerta.

Além diso, é importante ressaltar que o aplicativo não identifica o doente, e apenas avisa a proximidade de alguém que, voluntariamente, informou estar com coronavírus.

Para se cadastrar como infectado, o usuário deve validar o exame com o diagnóstico positivo.

“A técnica será uma parte essencial da transição para a vida cotidiana e, ao mesmo tempo, gerencia o risco de novos surtos”, afirmou o ministério.

Ao todo, cerca de 10 milhões de brasileiros possuem o aplicativo instalado, e a expectativa é que haja um aumento de 30% em seu uso após a novidade.

O aplicativo Coronavírus SUS está disponível para as plataformas Android – na Google Play e para iOS, na App Store.

Veja outras notícias sobre o coronavírus no Brasil e no mundo.