Coronavírus

Coronavírus em Curitiba: prefeito pede que passageiros deixem janelas abertas nos ônibus

Lucas
Lucas Sarzi
Coronavírus em Curitiba: prefeito pede que passageiros deixem janelas abertas nos ônibus
Foto: Luiz Costa/SMCS.

16 de março de 2020 - 00:00 - Atualizado em 1 de julho de 2020 - 14:51

Depois de pedir que as pessoas que se sintam infectadas pelo coronavírus em Curitiba não procurem uma Unidade de Saúde ou uma Unidade de Pronto Atendimento, o prefeito Rafael Greca anunciou, neste domingo (15), outra medida. Segundo ele, os ônibus do transporte coletivo devem circular todos com as janelas abertas. No Paraná, seis casos já foram confirmados do novo vírus, cinco deles na capital.

Segundo o prefeito, “o combate a proliferação do coronavírus em Curitiba segue firme e contamos com a participação de todos”. Através das suas redes sociais, Rafael Greca disse que pediu que a Urbanização de Curitiba (Urbs), responsável pelos coletivos, reforce as ações preventivas em nosso sistema de transporte.

Coronavírus: veja quando procurar atendimento básico ou emergência

“A partir da próxima semana, instalaremos recipientes com álcool gel nas estações-tubo e terminais para os cobradores, reforço na higienização dos ônibus e na limpeza dos veículos nas garagens e campanha informativa por meio de áudios nos biarticulados e nas telas da Midiaplan nos veículos”, anunciou o prefeito. Veja o post com algumas orientações:

View this post on Instagram

#CuritibaContraOCoronaVírus #TransporteColetivo de JANELAS ABERTAS. O combate a proliferação do coronavírus em Curitiba segue firme e contamos com a participação de todos. Todo cuidado é necessário! Já pedi para que a Urbs reforce as ações preventivas em nosso sistema de transporte coletivo. A partir da próxima semana, instalaremos recipientes com álcool gel nas estações-tubo e terminais para os cobradores, reforço na higienização dos ônibus e na limpeza dos veículos nas garagens e campanha informativa por meio de áudios nos biarticulados e nas telas da Midiaplan nos veículos. Juntos criaremos uma barreira de proteção à vida! Informe-se e conheça as medidas preventivas específicas para cada setor: https://bit.ly/2U1n83j. Prevenir é o melhor remédio! Em caso de dúvidas, disponibilizamos um telefone de contato para esclarecer tudo a respeito do coronavírus, disque (41) 3350-9000 das 08h às 23h todos os dias.

A post shared by Rafael Greca de Macedo (@rafaelgrecaoficial) on

Em caso de dúvidas, a prefeitura de Curitiba disponibilizou um telefone de contato para esclarecer tudo a respeito do coronavírus: (41) 3350-9000 das 08h às 23h, todos os dias. Além disso, quem se sentir infectado também pode entrar em contato pelos telefones já divulgados anteriormente, o 192 do SAMU ou o 156, da própria prefeitura. No Paraná, os telefones continuam os mesmos:

sintomas-coronavirus-numneros-ligar

Números subindo

O Ministério da Saúde fez uma segunda atualização neste domingo (15), de sua plataforma de notificação de casos de coronavírus e informa que há, no país, 200 pacientes confirmados para a doença. O dado anterior era de 176 casos confirmados. Ainda de acordo com a plataforma, há 1.917 pessoas suspeitas de terem a doença e 1.486 casos foram descartados.

O estado de São Paulo segue com o maior número de infectados: agora são 136 pacientes. Depois vem o Rio de Janeiro, com 24 casos confirmados. No Paraná, o número de casos suspeitos subiu para 80 neste domingo, segundo o Ministério da Saúde, mas os confirmados continuam o mesmo: seis, cinco deles em Curitiba e um em Cianorte, no Noroeste do Estado.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.