Notícias

Contra o Avaí, Athletico tentará quebrar jejum de quatro anos

Última vitória do Furacão contra o adversário foi pela 18ª rodada da Série A de 2017

Guilherme
Guilherme Almeida
Contra o Avaí, Athletico tentará quebrar jejum de quatro anos
Equipes ficaram no empate na semana passada (Foto: José Tramontin/Athletico)

8 de junho de 2021 - 15:49 - Atualizado em 8 de junho de 2021 - 15:49

O Athletico terá dois desafios pela frente nesta quarta-feira (08), às 19h, na Arena da Baixada, contra o Avaí, pelo jogo de volta da terceira fase da Copa do Brasil.

Além de precisar vencer para avançar sem a necessidade dos pênaltis, o Furacão também precisará quebrar um pequeno jejum: já são quatro anos sem vencer os catarinenses.

Historicamente equilibrado, o duelo entre Athletico e Avaí já proporcionou grandes jogos, para ambos os lados. Até hoje, foram disputadas 20 partidas na história.

Embora leve vantagem no retrospecto geral, com dez vitórias, contra sete triunfos do Avaí, o Athletico venceu o adversário pela última vez no dia 03 de agosto de 2017, pela 18ª rodada daquela edição da Série A.

Goleada

A última vitória do Athletico contra o Avaí, aliás, foi uma goleada. Na Arena da Baixada, o Furacão não tomou conhecimento, e venceu por 5 a 0. O meia Guilherme e o lateral-esquerdo Eduardo tiveram sua tarde de heróis, e marcaram duas vezes cada. O placar foi definido após um gol contra do lateral-direito Capa.

(Créditos: Esporte Interativo/TNT Sports)

Após essa partida, as equipes se enfrentaram mais quatro vezes. Pela 37ª rodada da Série A de 2017, o Avaí venceu por 1 a 0. Em 2019, novamente pela Série A, vitória do Leão da Ilha na Arena da Baixada e empate na Ressacada.

Por fim, pela atual Copa do Brasil, o duelo de ida na semana passada, em território catarinense, terminou empatado por 1 a 1.

Provável escalação

Para a partida decisiva desta quarta-feira, o técnico António Oliveira terá quase que todo o elenco à disposição, em relação ao time do Athletico que venceu o Juventude no domingo.

De desfalque, apenas o atacante Matheus Babi, que já jogou a Copa do Brasil pelo Botafogo. Além dele, o zagueiro Lucas Halter e o volante Erick, seguem fora se recuperando de lesões.

A única dúvida é no ataque. Vitinho e Carlos Eduardo disputam uma posição.

Com isso, uma provável escalação tem: Santos; Khellven, Pedro Henrique, Thiago Heleno e Nicolas; Richard, Christian e Jadson; Nikão, Vitinho (Carlos Eduardo) e Renato Kayzer.

Athletico e Avaí se enfrentam nesta quarta-feira (09), às 19h, na Arena da Baixada, pela partida de volta da terceira fase da Copa do Brasil. Quem vencer, se classifica. Empate leva a decisão para os pênaltis. Quem se classificar, além da vaga, embolsa R$ 2,7 milhões.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.