Agronegócio

Coluna RIC Rural

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais

29 de março de 2013 - 00:00 - Atualizado em 29 de março de 2013 - 00:00

Dois frigoríficos de carnes de aves, localizados no Paraná, foram liberados para exportar para a Rússia. A divulgação foi feita pelo site do serviço sanitário russo. De acordo com as informações, dois frigoríficos nas cidades paranaenses de Palotina e Matelândia foram autorizadas a retomar as exportações para aquele país. A liberação desses frigoríficos é o primeiro gesto concreto das autoridades russas que torna efetiva a suspensão das restrições aos três estados, anunciadas em novembro do ano passado.

FAO

E foi instalada esta semana em Curitiba a primeira unidade de coordenação de projetos da FAO (Organização das Nações Unidas para a Alimentação e Agricultura) no Brasil. O Paraná foi escolhido como sede da entidade da ONU e o escritório vai responder pelos três estados do Sul do país. O escritório da FAO é na sede da o Emater, na capital, e terá também uma representação no Parque Tecnológico da Itaipu Binacional, em Foz do Iguaçu.

Soja

E muitos produtores que realizaram a comercialização antecipada da soja nesta safra estão contentes. É que grande parte deles fechou contratos com preços superiores aos praticados agora no mercado.

Chuvas

E no norte pioneiro as preocupações dos agricultores voltaram com as chuvas desta semana. Ainda restam em torno de 45% de soja para colher e 45% do milho safrinha para ser plantado, apesar do calendário de plantio já ter sido encerrado.

Trigo

Apesar dos bons preços e o momento ser propício para se aumentar a área, na região de Ivaiporã ainda não foi iniciado o plantio do trigo. E o feijão segue com bom preço devendo  se manter firme por falta do produto e perdas na última colheita.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.