Internacionais

Chinês passa meses com tosse e descobre sanguessuga vivendo na garganta

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais

27 de fevereiro de 2019 - 00:00 - Atualizado em 27 de fevereiro de 2019 - 00:00

Sanguessuga é descoberta em garganta de paciente. (Foto: Reprodução/AsiaWire)

O homem foi até o hospital porque sentia uma coceira constante, além de uma tosse dolorosa; o animal foi descoberto durante uma endoscopia

Um homem de 60 anos teve uma sanguessuga extraída de sua traqueia depois de procurar auxílio médico para tratar uma tosse dolorosa. O caso aconteceu recentemente na China e lembra muito o da vietnamita de 63 anos que  foi diagnosticada com um tumor, mas tinha “apenas” um animal desses na garganta. O que os pacientes têm em comum? Beberam ou tiveram contato com água de uma fonte natural não tratada.

Tosse dolorosa

Conforme o tabloide britânico The Mirror, o animal descoberto vivendo do sangue do idoso, identificado como Sr. Li, possuía mais de 10 cm e ficou cerca de dois meses crescendo e se alimentando no local tão seguro e quentinho.

A situação foi descoberta durante uma endoscopia. (Foto: Reprodução/Asiawire)

A situação foi descoberta pela equipe do Hospital de Medicina Tradicional Chinesa de Yibin, depois que ele foi até o local alegando que sentia uma constante coceira na garganta, além de uma tosse dolorosa e com sangue. A surpresa foi grande quando durante a endoscopia, o médico Zhang Dadong se deparou com a sanguessuga gorda  e pulsante no local. Foi necessário o uso de um spray sedativo para acalmar o bicho e puxá-lo para fora com um fórceps.

Dadong fez questão de ressaltar – quando o caso foi divulgado – que o paciente vive no município rural de Daba e acredita ter ingerido ovos sanguessugas depois de beber água contaminada. Assim, a larva teria eclodido na garganta e ficado por ali até ser encontrada. O médico aproveitou a oportunidade para aconselhar os habitantes da região a ferver a água antes de tomá-la.

A sanguessuga retirada do homem tinha 10 cm. (Foto: Reprodução/Asiawire)

Mulher diagnosticada com tumor tinha uma sanguessuga viva na garganta

A vietnamita, que não teve o nome revelado, foi ao hospital porque sentia dores na garganta. Após os exames, foi constatado que ela estava com um tumor no local e uma cirurgia foi agendada para removê-lo. No entanto, no dia do procedimento, o que eles encontraram na garganta da paciente foi uma sanguessuga que estava há pelo menos três meses se alimentando de sangue.

Leia também:

Russo com faca cravadas nas costas sai de hospital para fumar; veja vídeo!

Atleta sem braços que esfaqueou o pai com lâmina escapa da prisão

Criança que lutava contra o câncer morre após encontrar ursinho perdido

 

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.