Tecnologia

Estudo revela perfil de inovação nas indústrias paranaenses

Quarta edição da Bússola da Inovação do Sistema Fiep aponta os principais desafios e oportunidades de inovação para as indústrias do Paraná

Carol
Carol Machado
Estudo revela perfil de inovação nas indústrias paranaenses

30 de agosto de 2019 - 00:00 - Atualizado em 30 de agosto de 2019 - 00:00

Uma pesquisa do Observatório Sistema Fiep traçou o perfil de inovação nas indústrias do Paraná. Denominado Bússola da Inovação, o estudo é atualizado pelo Sistema Fiep a cada dois anos. Mais de 900 empresas de 21 segmentos industriais, distribuídas entre 113 municípios do Paraná, participaram desta edição, sendo 81% delas micro ou pequeno porte.

O objetivo é avaliar como está o nível de esforços, de gestão e os resultados obtidos a partir da implantação de projetos inovadores. O presidente do Sistema Fiep, Edson Campagnolo, explica que a Bússola da Inovação reúne indicadores importantes para que gestores possam reavaliar o planejamento das empresas e ter mais segurança para tomar suas decisões. “Com os dados em mãos, nossas indústrias podem recorrer a fontes adequadas de crédito para investirem em tecnologia, em produtos de alto valor agregado, em adequação de processos, em melhorias de gestão. Tudo isso vai gerar um ganho significativo de competitividade”, garante.

“É um processo de aprendizagem em que todos ganham. Nós, do Sistema Fiep, porque temos mais subsídios para qualificar nossos serviços e melhorar o atendimento às indústrias do Paraná por meio dos Institutos Senai de Inovação e Tecnologia e de consultorias técnicas. O empresário, porque consegue ter uma visão sistêmica do seu negócio, do mercado onde atua, dos concorrentes e de onde pode prosperar. E a indústria do Paraná, que se torna mais forte, capaz de produzir de forma inovadora e de gerar riquezas, contribuindo com o desenvolvimento do país”, reforça Campagnolo.

“A inovação tem potencial de impacto sobre mercados, faturamento, na produção, em produtos e na comunidade. Queremos sensibilizar as empresas e mostrar, com os apontamentos do estudo, as dimensões da inovação para que os todos tenham um outro olhar sobre seu negócio. Os percentuais de sucesso reforçam a importância das indústrias se atentarem cada vez mais para este tema, reflitam, transformem suas práticas pensando no bom retorno que poderão ter no longo prazo”, comenta a gerente executiva do Observatório, Marília de Souza.

Os atores do ecossistema de inovação podem conhecer os principais desafios e oportunidades de inovação para as indústrias do Paraná no site.