Brasil

Homem bêbado resolve tirar um cochilo na estrada e é confundido com cadáver

“Diga”, como é conhecido, estava apenas tirando uma soneca quando foi surpreendido pelos policiais

Aline
Aline Taveira / Produtora com informações do EM
Homem bêbado resolve tirar um cochilo na estrada e é confundido com cadáver
"Diga", como é conhecido, estava apenas cochilando. (Foto: Divulgação/Polícia Civil de Jacinto)

31 de maio de 2021 - 14:27 - Atualizado em 31 de maio de 2021 - 14:27

A Polícia Militar de Jacinto, cidade do Vale do Jequitinhonha, em Minas Gerais, foi acionada na noite de sábado (29) para remover um cadáver que havia sido desovado à beira de uma estrada de terra. No entanto, os policiais estranharam quando ouviram um barulho inusitado: o suposto cadáver, além de estar respirando, roncava em alto e bom som

Foi um casal que passava de moto pela estrada que, quando viu o ‘cadáver’, seguiu até o Centro de Jacinto e avisou aos policiais que havia descoberto o ponto de desova. Mas, segundo o EM, a missão dos policiais se limitou a “ressuscitar” o homem.

O homem, Edgar Pedrosa, conhecido na cidade como “Diga”, contou aos policiais que tinha ido visitar sua mãe. Na volta pra casa, já sob o efeito do álcool, resolveu se deitar no capim, à beira da estrada.

“Deve estar por aí”, disseram ao EM os funcionários da Câmara Municipal de Jacinto e da Casa Paroquial. Segundo eles, “Diga” é boa pessoa, que trabalha fazendo serviços gerais e sempre recebe ajuda de várias pessoas, por meio de campanhas da igreja.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.