Notícias

Assassino em série ‘Maníaco da Torre’ tem novos julgamentos agendados

A defesa conseguiu o direito do acusado fazer um novo laudo de sanidade mental

Brenda
Brenda Caramaschi
Assassino em série ‘Maníaco da Torre’ tem novos julgamentos agendados
Imagem: Reprodução/Balanço Geral Maringá/RIC TV

31 de julho de 2020 - 15:53 - Atualizado em 31 de julho de 2020 - 15:53

O serial killer conhecido como “Maníaco da Torre”, preso desde julho de 2015, tem novos julgamentos marcados para os dias 20 de agosto e 02 de setembro, no Fórum de Maringá. Em março do ano passado, ele foi condenado a 21 anos e quatro meses de prisão pelos crimes de homicídio qualificado e ocultação de cadáver pela morte de Ednalva José da Paz, de 19 anos, morta em 2010. E em dezembro de 2019 o assassino em série foi condenado a 23 anos e quatro meses de prisão pela morte de Silmara Aparecida de Melo, de 33 anos, morta em 2012. 

maniaco da torre
Imagem: Reprodução/Balanço Geral Maringá/RIC TV

No total, Roneys Fon Firmino Gomes foi indiciado por seis mortes de garotas de programa, todas encontradas mortas e nuas embaixo de uma torre de energia elétrica na zona rural de Maringá. Gomes foi preso em julho de 2015 depois que a Polícia Civil encontrou um pedaço do parachoque do veículo do suspeito perto do local do crime. A defesa conseguiu o direito do acusado fazer um novo laudo de sanidade mental, que deve ser agendado em breve, para averiguar se o assassino em série tinha consciência do que estava fazendo. O “Maníaco da Torre” é considerado um dos mais perigosos serial killers do Estado.