Notícias

Asilo São Vicente de Paulo anuncia o encerramento das atividades

Entidade tradicional em Maringá, Asilo São Vicente de Paulo alegou incapacidade financeira para anunciar seu fechamento

Wilame
Wilame Prado / Repórter
Asilo São Vicente de Paulo anuncia o encerramento das atividades
Em 2017, salão de beleza foi inaugurado no Asilo São Vicente de Paulo para atender os idosos. (FOTO: Vivian Silva / Prefeitura de Maringá)

27 de maio de 2021 - 12:06 - Atualizado em 27 de maio de 2021 - 12:41

Por meio de nota oficial, o Asilo São Vicente de Paulo anunciou, na quinta-feira (27), o encerramento de suas atividades, alegando dificuldades financeiras e incapacidade de cumprir com a exigência da Vigilância Sanitária de contratação de um profissional farmacêutico para atender na entidade. A entidade atende 60 idosos.

Mesmo com o anúncio de fechamento, a entidade assistencial disse não pretender deixar os internos desamparados. Por conta disso, explica a nota, o Asilo São Vicente de Paulo notificou o Poder Público Municipal para que assuma o compromisso de continuidade das atividades, tendo em vista sua maior capacidade financeira, bem como a determinação constitucional de que impõe ao Estado o amparo aos idosos.

“As inúmeras exigências que tem sido feitas ao asilo inviabiliza sua continuidade sob a administração de voluntários que dedicam a esse
serviço o exíguo tempo disponível”, explica a nota.

Ainda conforme a nota, a direção do asilo informou que o Poder Público já possui um Plano de Ação para colocar em prática nos próximos dias. “Estamos confiantes de que a Prefeitura cumprirá seu papel e assumirá
integralmente a responsabilidade
que já deveria estar exercendo com esses cidadãos idosos. Agradecemos aos benfeitores, parceiros e colaboradores que, ao longo dos anos, apoiaram o asilo.”

Possíveis irregularidades

A Prefeitura de Maringá informou que a Secretaria de Assistência Social está em contato com a entidade para entender os motivos da suspensão na recepção de idosos e verificar qual a realidade da instituição e decidir sobre os próximos passos. 

A Associação Paranaense do Ministério Público também enviou uma nota dizendo que foi instaurado um inquérito civil para apurar as condições de funcionamento do Asilo São Vicente de Paulo, onde foram identificadas possíveis irregularidades que, se comprovadas, podem colocar em risco a vida e a saúde dos idosos.

“Desde o início das investigações, o MP busca conscientizar os dirigentes sobre a importância de serem realizadas as adequações necessárias apontadas e constatadas pela vigilância sanitária municipal”, disse, por meio de nota.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.