Notícias

Arma é segurança, é vida e não mata, diz Bolsonaro

Reuters
Reuters
Arma é segurança, é vida e não mata, diz Bolsonaro
Presidente Jair Bolsonaro

17 de junho de 2021 - 20:51 - Atualizado em 17 de junho de 2021 - 20:55

Por Ricardo Brito

BRASÍLIA (Reuters) – O presidente Jair Bolsonaro voltou a defender nesta quinta-feira o armamento da população brasileira após comentar, em sua tradicional live semanal, que o artefato pode proteger contra a “bandidagem” que está armada.

“Uma arma é sua defesa, será que você não se garante? Arma protege a sua vida, sua família”, disse.

“Arma é segurança, é vida e arma não mata, quem mata é o elemento que está atrás dela”, reforçou.

O presidente destacou que não alterou o Estatuto do Desarmamento, mas editou decretos para, em suas palavras, dar “mais meios para que a pessoa possa ter arma”.

Parte dos decretos que Bolsonaro editou flexibilizando o acesso a armas foi suspenso por decisão do Supremo Tribunal Federal.

tagreuters.com2021binary_LYNXNPEH5G1JK-BASEIMAGE

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.