Notícias

Área técnica da Anvisa recomenda aprovação de uso emergencial de vacina da Janssen contra Covid-19

Reuters
Reuters
Área técnica da Anvisa recomenda aprovação de uso emergencial de vacina da Janssen contra Covid-19
Vacina da Johnson & Johnson

31 de março de 2021 - 14:13 - Atualizado em 31 de março de 2021 - 14:15

Por Pedro Fonseca

RIO DE JANEIRO (Reuters) – A Gerência Geral de Medicamentos da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) recomendou nesta quarta-feira a aprovação do pedido de uso emergencial no Brasil da vacina contra Covid-19 da Janssen, uma subsidiária da Johnson & Johnson.

O órgão regulador decide nesta quarta, em reunião extraordinária, sobre o pedido feito pela Janssen para o uso emergencial da vacina do laboratório no Brasil. Após a recomendação da área técnica, os cinco diretores da Anvisa irão votar sobre o pedido.

A área técnica da agência pontuou algumas incertezas, no entanto, sobre o imunizante, como os diferentes locais de fabricação em larga escala e a falta de evidências sobre a eficácia da vacina contra novas variantes do coronavírus.

“Os dados apresentados até o momento dão suporte ao uso emergencial da vacina e não se vislumbra um risco à saúde da população relacionado aos dados faltantes no momento que seja superior à não utilização da vacina”, disse a Gerência Geral de Medicamentos em apresentação sobre a vacina.

O Brasil possui acordo com a Janssen para a aquisição de 38 milhões de doses da vacina da empresa, com previsão de entrega de 16,9 milhões de doses entre julho e setembro e 21,1 milhões de outubro a dezembro.

A vacina do laboratório da Johnson & Johnson se destaca por requerer somente o uso de uma dose. O imunizante já tem sido utilizada nos Estados Unidos.

tagreuters.com2021binary_LYNXMPEH2U1GW-BASEIMAGE

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.