Inova Mais

Apple abusou de poder de mercado sobre aplicativos, diz órgão russo de defesa da concorrência

Reuters
Reuters
Apple abusou de poder de mercado sobre aplicativos, diz órgão russo de defesa da concorrência
.

10 de agosto de 2020 - 13:37 - Atualizado em 15 de setembro de 2020 - 07:08

MOSCOU (Reuters) – O órgão regulador de concorrência da Rússia, FAS, disse nesta segunda-feira que a Apple abusou de sua posição dominante no mercado de aplicativos móveis por meio da App Store.

Um porta-voz da Apple disse que a empresa planeja recorrer da decisão do FAS.

O órgão citou a necessidade do usuários baixar aplicativos para o sistema operacional iOS apenas por meio da App Store. Ele também disse que a Apple ilegalmente reservou-se o direito de bloquear aplicativos de terceiros na App Store.

A investigação foi iniciada após uma queixa da empresa de segurança cibernética Kaspersky Lab, que afirmou que uma nova versão do aplicativo Safe Kids foi recusada pelo sistema operacional da Apple.

Enquanto isso, a Kaspersky disse que a Apple lançou a versão 12 de seu próprio aplicativo de controle parental, o Screen Time, que tinha funções semelhantes ao aplicativo da empresa.

A Apple disse que removeu vários aplicativos de controle parental da App Store porque “colocam em risco a privacidade e a segurança dos usuários”.

(Por Vladimir Soldatkin e Nadezhda Tsydenova)

((Tradução Redação São Paulo; 55 11 56447727))

REUTERS PS AAJ

tagreuters.com2020binary_LYNXNPEG791BS-BASEIMAGE

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.