Notícias

Após dois anos, homem é preso suspeito de atirar contra primo na RMC

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais

1 de fevereiro de 2019 - 00:00 - Atualizado em 1 de fevereiro de 2019 - 00:00

O homem foi preso após uma perseguição de carro (Foto: Divulgação/Polícia Civil)

O homem atirou cinco vezes contra o próprio primo, em novembro de 2016, e foi preso pela Polícia Civil de Rio Branco do Sul nesta quinta-feira!

O homem suspeito de atirar contra o próprio primo foi preso em Itaperuçu, na Região Metropolitana de Curitiba, nesta quinta-feira (31) após dois anos. O crime aconteceu durante uma festa em novembro de 2016.

Homem mata primo durante festa

De acordo com a polícia de Rio Branco do Sul, Anderson da Luz Pinto, de 33 anos, realizava uma festa com amigos -com muita bebida alcoólica e drogas- quando a vítima, Erviton da Silva Rosa, passou na frente de sua residência. Imediatamente, o suspeito sacou a pistola e correu até a vítima, que foi surpreendida com cinco tiros. Um deles acertou a cabeça de Rosa, que foi largado em via pública ainda vivo.  

Após meses de internação, a vítima sobreviveu -com sequelas físicas e mentais- e contou para a polícia sua versão do crime. Em seguida, o pedido de prisão preventiva contra o agressor foi expedido e cumprido nesta quinta-feira.

De acordo com os policiais, Pinto é muito temido na região e continuava ameaçando Rosa após deixar o hospital, além de ameaçar os outros familiares.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.