Notícias

Após deixar Serena em prantos, Osaka enfrentará Brady na final do Aberto da Austrália

Reuters
Reuters
Após deixar Serena em prantos, Osaka enfrentará Brady na final do Aberto da Austrália
Naomi Osaka durante partida contra Serena Williams no Aberto da Austrália

18 de fevereiro de 2021 - 09:19 - Atualizado em 18 de fevereiro de 2021 - 09:21

Por Ian Ransom

MELBOURNE (Reuters) – Naomi Osaka pôs fim à tentativa de Serena Williams de igualar um recorde conquistando um 24º título de Grand Slam nesta quinta-feira com uma vitória imponente de 6-3 e 6-4 que lhe rendeu uma vaga em sua segunda final do Aberto da Austrália e deixou a lenda norte-americana em prantos.

Em uma reprise da decisão tumultuada do Aberto dos Estados Unidos de 2018, Osaka ressaltou sua condição de nova rainha do tênis feminino e acolheu o entusiasmo dos torcedores na Arena Rod Laver, que voltaram ao evento após um lockdown de cinco dias.

“É sempre uma honra enfrentá-la, e eu não queria sair por baixo. Só tentei fazer meu melhor”, disse Osaka após a partida de 75 minutos em uma tarde abafada.

“Eu a assistia quando era menina, e só estar na quadra enfrentando-a já é um sonho.”

Campeã em 2019, Osaka enfrentará Jennifer Brady, que garantiu a presença de ao menos uma norte-americana na final depois de uma vitória suada sobre Karolina Muchova com parciais de 6-4, 3-6 e 6-4 na outra semifinal desta quinta-feira.

Será outra reprise, neste caso da semifinal do Aberto dos EUA do ano passado, na qual Osaka derrotou Brady em três sets a caminho de seu terceiro triunfo de Grand Slam.

Já Serena saiu em lágrimas após uma partida repleta de erros e com um ponto de interrogação sobre seu futuro.

tagreuters.com2021binary_LYNXMPEH1H0VH-BASEIMAGE

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.