Notícias

Ao menos 30 presos morrem em penitenciária de Roraima, diz governo

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais

6 de janeiro de 2017 - 00:00 - Atualizado em 6 de janeiro de 2017 - 00:00

Pelo menos 33 pessoas morreram na Penitenciária de Monte Cristo, em Roraima. Foto: Reprodução Google Maps

Chacina acontece na mesma semana em que 56 detentos foram mortos em presídio de Manaus

Segundo contagem atualizada no final da tarde desta sexta-feira (6), 31 presos da Penitenciária Agrícola de Monte Cristo (Pamc), na zona Rural de Boa Vista (RR), foram mortos. O tumulto na unidade começou durante a madrugada.

O Batalhão de Operações Especiais (Bope) da Polícia Militar foi ao local. Pela manhã, o governo anunciou ter a situação sob controle.

A chacina acontece na mesma semana em que 56 presos foram mortos no Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj), em Manaus e um dia após o governo federal lançar o Plano Nacional de Segurança Pública para tentar reduzir o número de homicídios dolosos e feminicídios; promover o combate integrado à criminalidade transnacional e a racionalização e a modernização do sistema penitenciário.

Em outubro, uma rebelião provocada por briga entre o Comando Vermelho (CV) e o Primeiro Comando da Capital (PCC) deixou pelo menos 10 presos mortos no Pamc, que é o maior presídio de Roraima. Três das vítimas teriam sido decapitadas, e sete teriam tido os corpos queimados em uma grande fogueira no pátio da unidade. 

Todos os mortos seriam integrantes da facção Comando Vermelho, que domina cerca de 10% do presídio. Os outros 90% são controlados pelo grupo rival Primeiro Comando da Capital. Até junho passado, PCC e CV eram aliados na disputa pelo controle do tráfico na fronteira com o Paraguai.

Leia mais

OAB chama massacre em Manaus de ‘selvageria sem limites’

Papa lamenta morte de detentos em presídio do Brasil

 

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.