Notícias

Anvisa cria comissão provisória para acelerar pedidos de registro emergencial de vacinas

Reuters
Reuters
Anvisa cria comissão provisória para acelerar pedidos de registro emergencial de vacinas
Frascos rotulados como de vacina para Covid-19 em foto de ilustração

23 de dezembro de 2020 - 12:28 - Atualizado em 23 de dezembro de 2020 - 12:30

Por Lisandra Paraguassu

BRASÍLIA (Reuters) – A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) criou uma comissão provisória para acompanhar e avaliar os procedimentos para registro e autorização de uso emergencial para vacinas contra a Covid-19.

De acordo com a agência, a comissão será formada por membros da diretoria colegiada e também das gerências de medicamentos e produtos biológicos, inspeção e fiscalização, de monitoramento de produtos e a de laboratórios públicos.

O objetivo da comissão é dar suporte técnico a avaliação dos pedidos de registro e uso emergencial com informações das diversas áreas e acelerar os processos.

A agência ressalta, no entanto, que a comissão terá apenas caráter consultivo em relação às autorizações emergenciais. A decisão final continuará sendo da diretoria colegiada, formada por quatro diretores e pelo presidente da Anvisa, Antônio Barras.

Até o momento, nenhuma instituição ou laboratório apresentou pedido à Anvisa para aprovação de uso emergencial ou registro definitivo de imunizante contra a Covid-19, mas quatro vacinas participam do processo de submissão contínua de documentos à agência: AstraZeneca/Fiocruz, Janssen, Pfizer e Sinovac/Butantan.

tagreuters.com2020binary_LYNXMPEGBM128-BASEIMAGE

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.